Millôr Fernandes

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
(Redirecionado de Millor Fernandes)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Millôr Fernandes
Millôr Fernandes
Millôr Fernandes em outros projetos:

Millôr Fernandes (Rio de Janeiro, 16 de agosto de 1923 - 27 de março de 2012) desenhista, humorista, dramaturgo, conhecido como "O irritante guru do Meyer".


  • "Jornalismo é oposição. O resto é armazém de secos e molhados."
- citado em "Jornal dos Jornais"; Textos da coluna do Instituto Gutenberg na revista Jornal dos Jornais - nº 1 - Março de 1999
- Millôr Fernandes citado em "Carta capital‎", Edições 27-39, Página 86, Carta Editorial Ltda., 1996
  • "Cidadão, num país em que não há nem sombra de cidadania, significa apenas cidade grande."
- Millôr Fernandes; Revista Veja, edição 2015, 04/07/2007
- Placa pendurada no pescoço do humorista Millôr Fernandes durante o lançamento de seu site na internet, que contou com a presença da atriz; citado em Revista Veja, Edição 1 652 -7/6/2000

Citações verificadas[editar]

  • "Quem mata o tempo não é um assassino. É um suicida." - '30 Anos de Mim Mesmo' - Editora Desiderata, 2006, 1 ed.
  • "Os que falam em amor livre nunca ouviram falar em

impotência masculina" - 'A Bíblia do Caos' - Página 22, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1992, 11 ed.

  • "O jornalista deve ser cético pra que o leitor não se torne cético com relação ao jornalista."
- Humor nos tempos do Collor‎ - Página 111, Jô Soares, Luís Fernando Veríssimo, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1992, 11 ed., ISBN 852540392X, 9788525403926 - 119 páginas
  • "Anatomia é uma coisa que os homens também têm, mas que, nas mulheres, fica muito melhor."
- Millôr online
  • "De todas as taras sexuais, não existe nenhuma mais estranha do que a abstinência."
- Millôr online
  • "O cadáver é que é o produto final. Nós somos apenas a matéria prima."
- Millôr online
  • "Roube ainda hoje! Amanhã pode ser ilegal."
- Humor nos tempos do Collor‎ - Página 112, Jô Soares, Luís Fernando Veríssimo, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1992, 11 ed., ISBN 852540392X, 9788525403926 - 119 páginas
  • "Um idiota nunca aproveita a oportunidade. Na verdade muitas vezes o idiota é oportunidade que os outros aproveitam".
- Computa, computador, computa‎ - Página 51, Millôr Fernandes - Editorial Nórdica, 1972 - 95 páginas
  • "Chato, é aquele que explica tudo tim-tim por tim-tim... e depois ainda entra em detalhes."
- Citado no disco de 1988 de Oswaldo Montenegro, nome Ao Vivo na musica "O Chato".
  • "Como o Lula deu um prato de sopa, o povo corre para ele".
-Ao responder a pergunta "Como é que pode o Lula tomar aquela surra no debate e ainda sair ganhando voto?" no podcast de Diogo Mainardi.
  • "Este país não pode melhorar enquanto o governo gastar todo o seu dinheiro na propaganda da rosca e a oposição colocar todo seu esforço na condenação do furo."
- Revista Pif Paf (maio de 1964), citado na revista Nossa História número 29, p.88. Administradora e Editora Vera Cruz Ltda: São Paulo, 2006.
  • Reflexão Sobre a Reflexão

Terrível é o pensar./ Eu penso tanto / E me canso tanto com meu pensamento / Que às vezes penso em não pensar jamais./ Mas isto requer ser bem pensado / Pois se penso demais / Acabo despensando tudo que pensava antes / E se não penso / Fico pensando nisso o tempo todo./ Millôr Fernandes

  • "Entramos então em economia de guerra. Vamos abrir as pernas, indevidamente fechadas durante 25 anos, protegendo a virgindade de nossas entranhas petrolíferas. As pressões da fome estão obrigando o sistema a aumentar os salários, os estudantes já falam mais alto porque a força esgotou seus torturantes argumentos - bom, tudo indica que também já é hora dos ministros pararem de contar aquela velha história da inflação que vai baixar". (1979)
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 55, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "Esta semana, mais um recorde da Loteria Esportiva: vinte e seis milhões, quatrocentos e vinte mil, trezentos e oito perdedores".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 288, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "Está bem. Deus é brasileiro. Mas pra defender o Brasil de tanta corrupção só colocando Deus no gol".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 12, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "Jamais chame um amigo de imbecil. É preferível lhe pedir dinheiro emprestado e não pagar".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 99, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "No momento em que aumentam as nossas descobertas arqueológicas fica evidente que o Brasil tem um enorme passado pela frente. Ou um enorme futuro por detrás, se preferem".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 30, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "O bom da gente ser pobre, triste, feio, doente e velho é que nada pior nos pode acontecer".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 340, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "O Brasil é os Estados Unidos onde eu vivo".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 14, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "O Brasil já está à beira do abismo. Mas ainda vai ser preciso um grande esforço de todo mundo pra colocarmos ele novamente lá em cima".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 11, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 48, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, 3a. ed., ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
  • "Diz que o grande erro de Noé foi que ele botou na Arca apenas dois animais de cada espécie, mas quando chegou a vez dos burros deixou entrar todos".
- Millôr no Pasquim‎ - página 126, Millôr Fernandes - 1977 - 201 páginas
  • "A sociedade brasileira é das mais curiosas do mundo. Mal tem condição de te dar um emprego de salário mínimo. Mas, se um pobre transgride suas regras, bota-o numa prisão que custa seis salários mínimos".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 65, Millôr Fernandes - L & PM Editores, 2002, ISBN 852541185X, 9788525411853 - 618 páginas
  • "Acreditar que não acreditamos em nada é crer na crença do descrer".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 129, Millôr Fernandes - L & PM Editores, 2002, ISBN 852541185X, 9788525411853 - 618 páginas
  • "Além de transformarem o Brasil em um cassino, viciaram a roleta".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 54, Millôr Fernandes - L & PM Editores, 2002, ISBN 852541185X, 9788525411853 - 618 páginas
  • "Andei observando e constatei - nem tudo é mel na vida das abelhas".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 10, Millôr Fernandes - L&PM Editores, 1994, ISBN 8525404349, 9788525404343 - 524 páginas
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 65, Millôr Fernandes - L & PM Editores, 2002, ISBN 852541185X, 9788525411853 - 618 páginas
  • "Divagar e sempre."
- Papáverum Millôr‎ - Página 126, Millôr Fernandes - Editôra Prelo, 1967 - 115 páginas
  • "O capitalismo é a exploração do homem pelo homem. E o comunismo é exatamente o contrário."
- As anedotas do Pasquim: uma antologia mundial de anedotas de salão, Volume 3 - página 53, Editora Editora Codecri, 1976

Liberdade, Liberdade[editar]

  • "Tenho, como Shaw, uma insopitável desconfiança de qualquer idéia que já venha sendo proclamada por mais de dez anos".
- Prólogo da obra

A Bíblia do Caos[editar]

Millôr Definitivo - A Bíblia do Caos L&PM, 1994
  • "A democracia é proposta tão generosa que desafia e mesmo agride a nada generosa natureza humana. Pessoas mais capazes do que o resto da humanidade admitem que os mais inferiores em capacidade decidam em igualdade de condições na escolha das lideranças. Decididamente, uma proposta política destinada ao fracasso. Como todas as outras. (JB. 1987)" p. 144-145
  • "Basta saber algumas línguas, e ler o livro sagrado de algumas religiões, pra verificar que só existe um Deus, que deu a cada país seu próprio profeta - sempre péssimo tradutor" p. 414
  • "Bem-aventurados os caolhos, porque só vêem a metade." p. 66
  • BRANCA DE NEVE (20 anos depois)
"Uma coisa é patente:/Não fazem mais espelhos/Como antigamente." p. 55
  • "Brasil: país governado por um gigantesco tour-de-farsa. p. 55
  • "Depressa, meu irmão, / E sai da pista, / Que o Brasil é um trem / Sem maquinista!". p. 40
  • "Em nome de cobertura certos jornalistas aceitariam até entrar em Troia no cavalo dos gregos." p. 268
  • "Este é o país onde há a maior possibilidade de se criar um mundo inteiramente novo. Caos não falta". p. 56
  • "Este governo é, no máximo, medíocre material para uma comédia de costumes". (1984) p. 56
  • "Meu filho, nunca te esqueças do lucro! (Conselhos capitais. 1961) p. 67
  • "O Brasil é, sempre foi, uma empresa unifamiliar". p.56
  • "O maior erro de Noé foi não ter matado as duas baratas que entraram na arca. p. 328
  • "O poder é um camaleão ao contrário - todos tomam a sua cor". p. 369
  • "Os homens não são iguais. São apenas feitos da mesma maneira". p. 228
  • "Olhaí, se querem que eu seja patriota melhorem essa pátria." p.355
  • "Pensamento irrefletido é um pensamento que a pessoa faz longe do espelho. (Falsa cultura) p. 358
  • "Quem odeia o feio, mais feio lhe parece. p. 191
  • "Só jornais mentirosos, escandalosos, corruptos e caluniadores nos dão a medida exata da liberdade de imprensa. (Liberdade de Imprensa) p. 336
  • "Só teremos um país de verdade no dia em que gastarmos mais com escolas do que com televisão, isto é, no dia em que gastarmos mais com a educação do que com a falta de educação. p. 464
  • "Viver é desenhar sem borracha." (1971. Muito, antes do computador) p. 493
  • "O gourmet é o comilão erudito".
- Millôr definitivo: a bíblia do caos‎ - Página 258, Millôr Fernandes - L & PM Editores, 2002, ISBN 852541185X, 9788525411853 - 618 páginas
  • "Errar é humano. Botar a culpa nos outros, também."
- Millôr definitivo: a bíblia do caos - página 195, Millôr Fernandes, Millôr Fernandes - L & PM Editores, 2002, ISBN 852541185X, 9788525411853 - 618 páginas
  • "As pessoas que falam muito mentem sempre, porque acabam esgotando seu estoque de verdades."
- Millôr Fernandes citado em Frases Geniais - Página 216, PAULO BUCHSBAUM - Ediouro Publicações, 2004, ISBN 8500015330, 9788500015335, 440 páginas

Ligações externas[editar]