Ficção

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Uma ilustração do romance de Lewis Carroll, Alice no País das Maravilhas, de 1865, retratando a protagonista fictícia, Alice, jogando um fantástico jogo de croquet.

Ficção é o termo usado para designar uma narrativa imaginária, irreal, ou para redefinir obras (de arte) criadas a partir da imaginação.



  • "Os bons terminam felizes; os maus, infelizes. Isso é o que se chama ficção."
- The good ended happily, and the bad unhappily. That is what Fiction means.
- The Importance of Being Earnest - Página 58, Oscar Wilde - Leonard Smithers and Company, 1899 - 151 páginas
- fiction is the truth inside the lie
- Danse Macabre - Página 375, Stephen King - Berkley Books, 1982 - ISBN 0425053458, 9780425053454, 400 páginas
- Na virada do milênio‎, Roberto de Oliveira Campos - Topbooks, 1998 - 486 páginas
  • "O deus do Antigo Testamento é provavelmente o personagem mais desagradável de toda a ficção: ciumento e orgulhoso disso; um maníaco por controle, miserável e injusto; um abusador vingativo, eugenista sedento por sangue, misógino, homofóbico, racista, infanticida, genocida, filicida, pestilento, megalomaníaco, sadomasoquista e caprichosamente malévolo"
- The God of the Old Testament is arguably the most unpleasant character in all fiction: jealous and proud of it; a petty, unjust, unforgiving control-freak; a vindictive, bloodthirsty ethnic cleanser; a misogynistic, homophobic, racist, infanticidal, genocidal, filicidal, pestilential, megalomaniacal, sadomasochistic, capriciously malevolent bully.
- The God Delusion - Página 51, Richard Dawkins - Houghton Mifflin Harcourt, 2006, ISBN 0618680004, 9780618680009 - 406 páginas
  • "A verdade parece mais difícil de encontrar em meio ás inúmeras ficções plausíveis."
- James Gleick, "A informação: uma história, uma teoria, uma enxurrada" [recurso eletrônico]; tradução Augusto Calil — 1a ed. — São Paulo : Companhia das Letras, 2013, p. 417.
- Sobre a dificuldade da filtragem da grande quantidade de informação disponível nos tempos atuais.
  • "A ficção consiste não em fazer ver o invisível, mas em fazer ver até que ponto é invisível a invisibilidade do visível".
- La fiction consiste donc non pas à faire voir l'invisible, mais à faire voir combien est invisible l'invisibilité du visible
- Michel Foucault citado em "Qu'est-ce qu'un espace littéraire?"‎ - Página 31, de Xavier Garnier, Pierre Zoberman, Pascale Hellégouarc'h, Maarten Van Delden - Publicado por Presses universitaires de Vincennes, 2006 ISBN 2842921852, 9782842921859 - 206 páginas
  • Você pode dizer quando um filme histórico de Hollywood foi feito ao olhar para a maquiagem dos olhos das protagonistas femininas, e você pode dizer a data de um romance de ficção científica antiga por todas as palavras nas páginas. Nada fica datado tão rápido e tão estranhamente quanto o futuro.
- Neil Gaiman in: "Of Time, e Gully Foyle", prefácio a uma edição de 1999 de The Stars My Destination (1956)
  • "O que hoje se tornou mera ficção poética, era outrora uma crença popular real"
- Johann Jacob Engel como citado in: Der Philosoph für die Welt, Abschnitt 24. como cit. p/ Hans Vaihinger em A filosofia do como se, p. 293; tradução e apresentação de Johannes Kretschmer - Chapecó: Argos, 2011 - 723 páginas.
  • "Qualquer que seja a maneira de se entender o conceito de átomo, jamais sera ele uma hipótese que se espera provar um dia, mas sim uma ficção; e esta não é passível de demonstração já pelo fato de que se envolveu em todas suas formas desenvolvidas até agora, em contradições inevitáveis. O conceito de átomo se manteve por tanto tempo e ainda se mantêm pois não temos expediente melhor para estabelecer relações em um grande número de fenômenos. É por esta razão que a teoria do átomo está levando uma vida provisória. A enorme capacidade heurística e mnemônica estimulou muitas vezes a confundir método e objeto da investigação e a alimentar por ela uma admiração que não merece."
-William Thierry Preyer como citado in: Über die Aufgabe der Naturwissenschaft (Sobre a Tarefa da Ciência da Natureza), Jena, Ed. Fischer, 1878, 7; Como cit. p/ Hans Vaihinger em A filosofia do como se; Tradução de Johannes Kretschemer. - Chapecó: Argos, 2011, páginas 428-9.
  • "O acontecimento recordado torna-se ficção, uma estrutura feita para acomodar certos sentimentos. Não fora por essas estruturas, a arte seria pessoal demais para que o artista a criasse, mais ainda para que a platéia a compreendesse".
- The remembered event becomes a fiction, a structure made to accommodate certain feelings. If there were not these structures, art would be too personal for the artist to create, much less for the audience to grasp.
- Notes of the author on The painted bird, 1965‎ - Página 11, de Jerzy Kosinski - Publicado por Scientia-Factum, 1967 - 29 páginas
  • "No jornalismo como na ficção, tudo é personagem. O personagem é um ponto de vista sobre o mundo, não necessariamente o mesmo do autor, que nada mais é do que outro personagem, assim como o leitor, ou a natureza, ou Deus. Se tudo é personagem, vida e arte não se imitam: elas são uma coisa só. O que, claro, não nos torna menos real. Ao contrário. Sendo assim, a primeira ajuda que o jornalismo pode dar ao escritor seria a colheita de histórias reais para serem posteriormente trabalhadas como ficção. A segunda contribuição seria a rapidez. No jornalismo, o tempo e o espaço reduzidos não permitem volteios. É preciso ser claro em cada frase, na escolha de cada palavra, e isso também vale para a literatura. O texto precisa ter um imã em cada frase, caso contrário o leitor derrapa para fora do livro. Mas é bom lembrar que não é preciso passar pelo jornalismo para ser um bom escritor. Já o contrário é impossível. A literatura é incontornável na formação de um bom jornalista."
-André Viana Em entrevista a Thiago Barbosa, G1, publicado em 05/08/2015

Veja também[editar]

Wikipedia-logo.png
A Wikipédia possui um artigo de ou sobre: Ficção.
Wikcionário lusófono
O Wikcionário possui o verbete: ficção