Aloizio Mercadante

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Aloizio Mercadante
Aloizio Mercadante
Aloizio Mercadante em outros projetos:

Aloizio Mercadante Oliva (Santos, 13 de maio de 1954) é um economista e político brasileiro.


  • "Os caras-pintadas voltarão!"
- Aloizio Mercadante, deputado federal (PT-SP), prometendo lutar nas ruas pela CPI de Eduardo Jorge
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 661 - 9/8/2000
  • "No Nordeste vai faltar farinha e carne-seca."
- Aloizio Mercadante, líder do PT na Câmara, sobre a aprovação do mínimo de 180 reais
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 678 - 6 de dezembro de 2000.
  • “Eu me recuso a fazer este tipo de coisa. Só se for com outro líder. Eu coloco meu cargo a disposição.”
- Dia 18 de agosto de 2009, antes de reunião do Conselho de Ética onde se planejava a indicação de senadores favoráveis a absolvição de Sarney, alvo de inúmeras representações e denúncias no Conselho
- Fonte: G1
  • “Minha vontade verdadeira era sair da liderança do PT, mas não vou contribuir para agravar a crise da bancada.”
- Dia 19 de agosto de 2009, após reunião do Conselho de Ética — G1
  • “Eu subo hoje à tribuna para apresentar minha renúncia da liderança do PT em caráter irrevogável.”
- Dia 20 de agosto de 2009, no Twitter — G1
  • “Mais uma vez na minha vida o presidente Lula me deixa numa situação que não tenho como dizer não.”
- Dia 21 de agosto de 2009, na tribuna do Senado, ao anunciar que continuaria líder do PT — G1
  • “Errei ao dizer que anunciaria uma renúncia irrevogável.”
- Dia 22 de agosto de 2009, a noite, no Twitter — G1
  • “Estamos há mais de treze anos no governo, mas se esquecem que temos pós-doutorado em oposição. Imaginem o MST, a CUT e a UNE com liberdade para gritar e protestar. É o que eles mais gostam de fazer.”
- Fonte: Estadão — 30 de abril de 2016

Sobre[editar]

- Gustavo Franco, economista, comparando o livro Brasil: primeiro tempo, de Mercadante, às histórias do famoso personagem conhecido como o "Barão das Mentiras"
- Fonte: Revista ISTO É, Edição 1908
  • “Até para sair da liderança tem de pedir ao Lula.”
- Fernando Gabeira, alfinetando Mercadante que recuara, a pedido de Lula, de renunciar a liderança do PT, renúncia esta anunciada por conta de anuência, do PT, a absolvição de Sarney, denunciado no Conselho de Ética — 21 de agosto de 2009
- Fonte: G1