Eurico Miranda

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eurico Miranda
Eurico Miranda
Eurico Miranda em outros projetos:

Eurico Ângelo de Oliveira Miranda (Rio de Janeiro, 7 de junho de 1944) é um político, jurista (diplomado pela PUC-Rio) e dirigente esportivo brasileiro, ex-presidente do Club de Regatas Vasco da Gama.


- Eurico Miranda, vice-presidente de futebol do Vasco, colocando os estatutos da CBF acima da Constituição
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 658 - 19/7/2000
  • "Você quer essa CPI para levar o seu. Pode sair tranqüilo que não vai levar nenhum."
- Eurico Miranda, deputado federal (PPB-RJ), ao colega Wagner Salustiano (PPB-SP), que não queria o arquivamento do requerimento da CPI da Nike-CBF; citado em Revista Veja, Edição 1.649 - 17/5/2000
  • "Vasco e Flamengo é um campeonato à parte."
- Sobre a rivalidade entre os dois clubes.
  • "Foi um resultado normal. Anormal é quando o Flamengo vence o clássico."
- Sobre a goleada do Vasco por 5 a 1 sobre o rival, em 2001.
  • "A exemplo de como fizemos com a nossa taça da Libertadores, vamos passar novamente com a taça do Mundial pela Gávea quando voltarmos do Japão."
- Ainda dirigente, fazendo provocações ao rival.
  • "Não sei se tenho maior prazer numa relação sexual ou se quando ganhamos do Flamengo."
- Sobre as vitórias nos clássicos sobre o Flamengo.
  • "Sempre digo lá em Brasília que não sou representante do povo. Sou representante do Vasco."
- Na época em que era deputado federal.
  • "Sempre interferi para que ele (Romário) fosse escalado, e sempre vou fazer isso quando os interesses do Vasco forem prejudicados
- Ironizando a desculpa dada por Romário para deixar o cargo de técnico.
  • "Não existe essa história de quem não deve não teme. Todo mundo deve alguma coisa."
- Na época em que está sendo investigado pela CPI.
  • "Futebol é coisa para homem que mantém distância um do outro. Por isso sou contra homossexual e mulher no futebol."
- Sobre as disputas de bola em uma partida de futebol.
  • "Ele fica dentro do gabinete, com ar-condicionado, fazendo preces falsas para Jesus. Se estou falando do governador? É claro. O governador é falso e incompetente. O v… do governador acabou com o jogo. Ele manda no coronel, mas não no Vasco. É um frouxo!"
- Na final da Copa João Havelange quando, por ordem do então governador Anthony Garotinho, o jogo entre Vasco e São Caetano foi paralisado por causa da queda de um alambrado em São Januário.
  • "Edmundo tem chance zero de voltar ao Vasco. Ele nunca mais voltará ao Vasco. Depois do que fez, ele é quem tem de pagar ao Vasco
- Quando Edmundo deixou o Vasco em 2000.
  • "Vou contratar o Mansões!
- Brincando com o nome do atacante Cabanãs, autor dos três gols da vitória do América no México sobre o Flamengo na Taça Libertadores de 2008.
  • "Já comprei o chope. E paguei. Tenho certeza de que vamos ser campeões porque nosso time é muito melhor do que o Flamengo. Raramente eu erro. Mas, se errar, as conseqüências virão para mim."
- Antes da derrota na final do Campeonato Estadual, que foi vencido pelo o Flamengo, em 2004.
  • "Quem gosta de vara não sou eu, mas esse senador."
- Respondendo ao senador Álvaro Dias, presidente da CPI do Futebol.
  • "Você quer essa CPI para levar o seu. Pode sair tranqüilo que não vai levar nenhum."
- Acusando o deputado Wagner Salustiano, do PPB-SP, de ser contra o arquivamento do pedido de instalação da CPI da Nike-CBF por estar interessado em propina.
  • "Eles não têm moral para me convocar."
- Sobre a determinação dos senadores da CPI do Futebol de convocá-lo para depor.

Fontes: As 10 frases que marcaram a passagem de Eurico Miranda pelo Vasco; O vilão assumido