Saltar para o conteúdo

Demócrito

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
(Redirecionado de Demócrito de Abdera)
Demócrito
Demócrito
Bust tentatively identified as Democritus, Herculaneum.
Nascimento década de 460 a.C.
Abdera
Morte década de 360 a.C.
Grécia
Irmão(ã)(s) Herodotus
Ocupação filósofo, matemático, historiador de arte
Obras destacadas quadratriz de Hípias
Movimento estético atomismo
Religião ateísmo

Demócrito (?) foi um filósofo pré-socrático.


Verificadas[editar]

  • "O que faz o homem feliz não é o dinheiro, mas a retidão e a prudência."
- Fonte: http://www.caras.uol.com.br - 12 de novembro de 2009 - EDIÇÃO 836 - Citações

Física e epistemologia[editar]

- Fragment 117
  • "Por definição há cor, / Por definição há doce, / Por definição há amargo, / Mas na realidade há átomos e espaço."
- Citado em "Ancilla to the Pre-Socratic Philosophers: A Complete Translation of the Fragments in Diels" - página 142, item 9., Kathleen Freeman, Forgotten Books, 1948, ISBN 1606802569, 9781606802564


Ética[editar]

  • "Toda belicosidade é insensata; pois enquanto se busca prejudicar o inimigo, esquecemos o nosso próprio interesse." Fragmento 237[1]


  • "Melhor (educador) para a virtude mostrar-se-á aquele que usar o encorajamento e a palavra persuasiva, do que o que se servir da lei e da coerção. Pois quem evita o injusto apenas por temor a lei, provavelmente cometerá o mal em segredo; quem, ao contrario, for levado ao dever pela convicção, provavelmente não cometerá o injusto nem em segredo nem abertamente, Por isto, quem agir corretamente com compreensão e entendimento, mostrar-se-á corajoso e correto de pensamento." fragmento 181[2]


  • "Bem mais sensato do que o homem é o animal que, em sua necessidade, sabe quanto necessita. O homem, ao contrario, quanto necessita não o sabe." Frag. 198[3]


  • "Os insensatos desejam as coisas ausentes, mas desperdiçam as presentes ainda que mais valiosas que as passadas." frag. 202[4]


  • "É preciso que aquele que quer sentir-se bem não faça muitas coisas nem particular nem publicamente, e que aquilo que faz não assuma além de sua força e natureza. Ao contrário, é preciso que, mesmo que a sorte lhe seja hostil e, pela aparência, o leve pouco a pouco ao excesso, tenha cuidado bastante para renunciar e não procurar mais que suas forças permitem, pois uma plenitude razoável é coisa mais segura que uma superplenitude." Frag. 3[5]


  • "A moderação aumenta o gozo e acresce o prazer." Frag. 211[6]


  • "Sábio é quem não se aflige com o que lhe falta e se alegra com o que possui."Frag. 231[7]


- Fragment 77


Atribuídas[editar]

Este artigo ou secção não cita as suas fontes ou referências. Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes.
  • "O mundo inteiro está aberto ao homem sábio, pois a pátria de um espírito de escol é o universo."
  • "O homem só é infeliz quando é injusto."
  • "Se sofrer uma injustiça, console-se, a verdadeira infelicidade é cometê-la."
  • "A ignorância do bem é a causa do mal. "
  • "O animal é tão ou mais sábio do que o homem: conhece a medida da sua necessidade, enquanto o homem a ignora."
  • "Falsos e hipócritas são aqueles que tudo fazem com palavras, mas na realidade nada fazem."
  • "Ocupe-se de pouco para ser feliz."

Sobre[editar]

  • "...ficou famoso por haver previsto alguns eventos futuros, e por isso foi considerado pela maioria merecedor de honras divinas."[8]

Referências

  1. Pré-socráticos, coleção Os Pensadores
  2. Pré-socráticos, coleção Os Pensadores
  3. Pré-socráticos, coleção Os Pensadores
  4. Pré-socráticos, coleção Os Pensadores
  5. Pré-socráticos, coleção Os Pensadores
  6. Pré-socráticos, coleção Os Pensadores
  7. Pré-socráticos, coleção Os Pensadores
  8. "Linguagens e formas de poder na antiguidade" - página 206, Neyde Theml, Editora MAUAD, FAPERJ, 1948, ISBN 8574780650, 9788574780658