Vanderlei Luxemburgo

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vanderlei Luxemburgo
Vanderlei Luxemburgo
Vanderlei Luxemburgo da Silva em outros projetos:

Vanderlei Luxemburgo da Silva (Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, 5 de Outubro de 1952) é um reconhecido técnico de futebol brasileiro.


  • "Mandaram uma camisa do Fome Zero para o Cruzeiro quando eu era o técnico. Eu não botei a camisa porque o Brasil não precisa de Fome Zero, precisa de emprego."
- citado em Revista Veja, 08.06.05.
  • "Só não gostei dele me paquerando durante o jogo. Tudo que apitava, olhava pra mim. Não sou viado, não sei se ele é."
- Sobre a atuação de Rodrigo Cintra no São Paulo 3 x 1 Santos em 2 de Abril de 2006, pelo Campeonato Paulista do mesmo ano.
  • "O medo de perder tira a vontade de ganhar."
- E campeão!: a montagem de um time vencedor‎ - Página 137, Vanderlei Luxemburgo, Ingo Ostrovsky - Gryphus, 2004, ISBN 8575100742, 9788575100745 - 194 páginas
  • "Não serei boi de piranha da CPI."
- Wanderley Luxemburgo, ex-técnico da seleção, sobre a CPI do futebol
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 672 - 25/10/2000
  • "Tô assustado."
- Wanderley Luxemburgo, técnico da seleção, ao ver a revolta dos torcedores em seu desembarque no Aeroporto de Cumbica, em São Paulo
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 669 - 4/10/2000
  • "Eles jogam de forma irresponsável, mas com responsabilidade."
- Wanderley Luxemburgo, técnico da Seleção Brasileira de Futebol, justificando a derrota para os sul-africanos
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 668 - 27/9/2000
  • "Meu único crime é sonegação fiscal."
- Wanderley Luxemburgo, técnico da seleção brasileira
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 666 - 13/9/2000
  • "Não sou bandido."
- Wanderley Luxemburgo, técnico da Seleção Brasileira de Futebol, sobre a investigação que vem sofrendo da Receita Federal
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 664 - 30/8/2000
  • "Tem uma frase de um autor francês chamado Goethe que diz: 'Só os imbecis não voltam atrás'."
- Wanderley Luxemburgo, técnico da Seleção Brasileira de Futebol; citado em Revista Veja, Edição 1 652 -7/6/2000
  • “Eu nasci para vencer”
- Vanderlei Luxemburgo, técnico recém-contratado do Real Madrid, que estreou com duas vitórias no time de Ronaldo, Roberto Carlos e David Beckham; citado em Revista ISTOÉ Gente, edição 283 - 17/01/2005

Sobre[editar]

  • "Bota o meião!"
- Renata Alves, estudante, citando uma suposta mania do ex-técnico da seleção, Wanderley Luxemburgo, de obrigá-la a vestir o meião do Palmeiras na hora do sexo
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 674 - 8/11/2000
- Torcedor gritando com Wanderley Luxemburgo, no embarque da seleção olímpica de futebol
  • "Vagabundo é forte, companheiro."
- Luxemburgo, achando exagerada a ofensa do torcedor
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 665 - 6/9/2000