Castro Alves

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Castro Alves
Castro Alves
Castro Alves em outros projetos:

Antônio Frederico de Castro Alves (perto de Curralinho, Bahia, 14 de Março de 1847 - Salvador, Bahia, 6 de Julho de 1871) foi escritor e poeta brasileiro.


  • Não sabes, criança? 'Stou louco de amores...
Prendi meus afetos, formosa Pepita.
Mas onde? No templo, no espaço, nas névoas?!
Não rias, prendi-me
Num laço de fita.
- O Laço de Fita
  • "Livros... livros à mão-cheia / e manda o povo pensar."
- O Livro e a América

Bandido Negro[editar]

  • Trema a terra de susto aterrada...
Minha égua veloz, desgrenhada,
Negra, escura nas lapas voou.
Trema o céu ... ó ruína! ó desgraça!
Porque o negro bandido é quem passa,
Porque o negro bandido bradou:
- Bandido negro
  • Cai, orvalho de sangue do escravo,
ai, orvalho, na face do algoz.
resce, cresce, seara vermelha,
resce, cresce, vingança feroz.
- Bandido negro
  • "Cresce, cresce, seara vermelha, / cresce, cresce, vingança feroz."
- Bandido negro