Tom Zé

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tom Zé
Tom Zé
Tom Zé em outros projetos:

Tom Zé, nome artístico de Antônio José Santana Martins (Irará, 11 de outubro de 1936 - ), é um compositor, cantor, arranjador e ator brasileiro.


  • "Na vida quem perdeu o telhado
em troca recebe as estrelas"
- Em letra de "Só (Solidão)", do álbum "Estudando o Samba"
  • "Um povo que lê, um povo alfabetizado, que sabe escrever não tem medo de perder sua cultura. Escreve livros, bota nas bibliotecas e vai ver novelas."
- Em entrevista à revista Caros Amigos número 31 - outubro de 1999
  • "... Estudei como se fosse um príncipe numa escola maravilhosa, professores estrangeiros, os melhores professores do mundo! [...] Quer dizer, meu estudo custou a fome e a morte de muita gente e é por isso que eu digo que devo! Eu devo e devo muito a escola pública."
- Em entrevista à revista Caros Amigos número 31 - outubro de 1999
- Em entrevista à revista Caros Amigos número 31 - outubro de 1999
  • "Deparei de imediato com o fato de ser um péssimo compositor, um péssimo músico e um péssimo cantor. Como não sabia fazer música convencional, tive de fazer sempre algo estranho."
- Em entrevista ao jornal espanhol El País
- Revista Veja; Edição 1839 . 4 de fevereiro de 2004
  • "Fazer show é um porre. A melhor coisa que a pessoa pode levar é algodão para tapar o ouvido."
- Sobre shows
- Fonte: Revista IstoÉ Gente. Edição 372
  • "Foi bom, eu ia ser um rico muito medíocre."
- Ao lembrar que investiu na bolsa e perdeu todo o dinheiro ganho em um processo judicial.
- Fonte: Revista Veja
  • "Sem o vaso sanitário seria impossível a civilização."
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 671 - 18/10/2000