Quintino Bocaiúva

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Quintino Bocaiúva
Quintino Bocaiúva
Quintino Bocaiúva em outros projetos:

Quintino Bocaiúva, pseudônimo de Quintino Antônio Ferreira de Sousa (nasceu em Itaguaí (RJ) em 4 de dezembro de 1836 - faleceu no Rio de Janeiro a 11 de junho de 1912), político e jornalista brasileiro foi um dos articuladores mais importantes da Proclamação da República.


  • "O regime da federação baseado, portanto, na independência recíproca das províncias, elevando-se à categoria de Estados próprios, é aquele que adotamos no nosso programa, como sendo o único capaz de manter a comunhão da família brasileira".
- Do Manifesto Republicano, jornal A República, número 1, de 3 de novembro de 1970. Extraído da Revista História, n. 84, São Paulo.
- Quintino Bocaiuva, em discurso no Senado Federal sobre o Senador Pinheiro Machado; citado em "Quintino Bocayuva, o patriarca da República‎" - Página 177, Cyro Silva - Editôra Edaglit, 1962 - 256 páginas
  • "Eu só voltaria ao Senado para pedir perdão a Deus do que eu fiz para que viesse essa República; e admiro que o povo ainda não tenha cortado a cabeça de quantos cometemos tão funesto erro"
- Frase citada por João Alfredo Correia de Oliveira numa carta à Princesa Isabel, disponível na Revista do IHGB, n. 260, Página 352.
  • "Penso ter sido intimamente cristão e suponho que o cristianismo, na sua pureza de origem, é ainda um ideal afastado da humanidade nos tempos que correm."
- Frase dita por ele no seu testamento; como citado in: Revista da Academia Brasileira de Letras - Volumes 51-52 - Página 233, Academia Brasileira de Letras - 1936