Hilda Hilst

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hilda Hilst
Hilda Hilst
Hilda Hilst em outros projetos:

Hilda de Almeida Prado Hilst (21 de Abril de 1930 - 4 de Fevereiro de 2004) poeta, ficcionista e dramaturga brasileira.


  • Se te pareço noturna e imperfeita
Olha-me de novo. Porque esta noite
Olhei-me a mim, como se tu me olhasses.
E era como se a água
Desejasse
- "Júbilo, memória, noviciado da paixão" - Página 17, de Hilda Hilst, Alcyr Pécora - Publicado por Globo Editora, 2001 ISBN 8525034657, 9788525034656 - 143 páginas
  • "Você nunca conhece realmente as pessoas. O ser humano é mesmo o mais imprevisível dos animais. Das criaturas."
- "Cascos e carícias: crônicas reunidas (1992-1995)" - Página 34, de Hilda Hilst - Publicado por Nankin Editorial, 1998 ISBN 8586372056, 9788586372056 - 183 páginas
  • "Há sonhos que devem ser ressonhados, projetos que não podem ser esquecidos..."
- "Estar sendo. Ter sido" - Página 16, de Hilda Hilst - Publicado por Nankin Editorial, 1997 ISBN 8586372013, 9788586372018 - 127 páginas
  • "Extrema, toco-te o rosto. De ti me vem
À ponta dos meus dedos, o ouro da volúpia
E o encanto glabro das avencas
De te me vem.
De mitos e de águas:
Inaudita
Extrema, toco-te a boca
como quem precisa
Sustentar o fogo
para a própria vida
É úmido de cio, de inocência
É a saudade de mim que me condena
Extrema, inomeada, toco-me a mim
Antes, tão memória
E tão jovem agora.
- "Amavisse" - Página xiii, de Hilda Hilst - Publicado por M. Ohno Editor, 1989
- entrevista ao Instituto Moreira Salles: VOGT, Carlos. [Depoimento] In: Cadernos de Literatura Brasileira - Hilda Hilst. Instituto Moreira Salles, n. 8, outubro de 1999, página 31. Diretor editorial Antonio Fernando de Franceschi.
  • "Extrema, toco-te o rosto. De ti me vem / À ponta dos meus dedos, o ouro da volúpia / E o encanto glabro das avencas / De te me vem. [...]"
- Hilda Hilst, em "Amavisse"‎ - Página xiii, de Hilda Hilst - Publicado por M. Ohno Editor, 1989