Geraldo Alckmin

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Geraldo Alckmin
Geraldo Alckmin
Geraldo Alckmin em outros projetos:

Geraldo José Rodrigues Alckmin (Pindamonhangaba, 7 de novembro de 1952) é um político brasileiro e candidato à presidência da república brasileira nas Eleições de 2006.


  • "O Brasil vive uma ressaca, descobriu que a ilha da fantasia petista nunca foi a terra prometida. A ilusão petista acabou em pesadelo na maior crise econômica e ética a história do nosso país. Agora é hora de olhar para a frente com união e esperança renovada. Os brasileiros não são tolos e estão vacinados contra o modelo lulopetista de confundir para dividir, de iludir para reinar. Mas vejam a audácia dessa turma: depois de ter quebrado o Brasil, Lula diz que quer voltar ao poder, ou seja, quer voltar à cena do crime. Será que os petistas merecem uma nova oportunidade? Fiquem certos de uma coisa: nós os derrotaremos nas urnas. Lula será condenado nas urnas pela maior recessão da nossa história. As urnas os condenarão pelos 15 milhões de empregos perdidos, milhares de empresas fechadas, sonhos desfeitos, negócios falidos. As urnas o condenarão pela frustração dos projetos de milhões de famílias levadas ao desespero, por ter sucateado a nossa saúde, atentado contra a saúde dos brasileiros. As urnas o condenarão pelo desgoverno, destruição da Petrobras, por obras inacabadas e abandonadas. As urnas o condenarão por incitar o maior conflito entre os poderes da história recente, por nos ter posto na vexatória posição de lanterna no cenário internacional. As urnas o condenarão por ter sequestrado a esperança da nossa juventude, por jogar brasileiros contra brasileiros para, no final, atirar pela janela a autoestima de todos nós. As urnas condenarão Lula por ter sido o grande responsável de uma década perdida."
- Geraldo Alckmin, 12/2017
- Fonte: [1]
  • "É claro que o PT tem ligações com as Farc"
- 29/07/2010
- Fonte: Uol
  • "O que é público e notório é uma ligação do PT com as Farc, isso lá trás. Eu acho que isso não é nenhuma novidade para ninguém"
- 22/07/2010
- Fonte: Época
- Em aula inaugural do ano letivo, explicando o que é axônio ("prolongamento de neurônio que conduz impulso de corpo celular para as extremidades distais", segundo o Aurélio)
  • "Meu mote vai ser: 'O Brasil vai crescer pra chuchu', 'Nós vamos ter emprego pra chuchu', 'Vai ser um governo que é um chuchuzinho'"
- Fazendo alusão à alcunha que recebeu do colunista José Simão, da Folha de S. Paulo - "picolé de chuchu" -, cunhada em referência à sua suposta falta de carisma
  • "Meu filho está triste, mas a mãe dele nem tanto"
- Geraldo Alckmin, governador de São Paulo, referindo-se ao fato de a moto do seu filho Thomaz ter sido roubada
- Fonte: Revista ISTOÉ Gente, edição 245 (19/04/2004)

Sobre[editar]

  • "Quando o Geraldo não gosta de uma roupa minha, eu não a visto mais"
- Maria Lúcia Alckmin, mulher do então governador de São Paulo
- Fonte: Revista IstoÉ, edição 1665. 2001
  • "Temperaram um pouco o chuchuzinho, ficou ótimo"
-Clodovil, sobre o temperamento agressivo adotado por Alckmin durante o primeiro debate do segundo turno nas eleições de 2006 para a Presidência do Brasil, debate exibido pela Rede Bandeirantes em 8 de outubro de 2006.
  • "Vocês querem conquista melhor do que numa campanha, neste país, a gente não ter nenhum candidato de direita. Porque antigamente como é que era a campanha? Era o [candidato] de centro-esquerda ou de esquerda contra os trogloditas de direita: era assim toda campanha. Começou a melhorar já comigo e com o Fernando Henrique Cardoso, já foi um nível elevado. Depois eu e Serra também; depois eu e o Alckmin baixou o nível, por conta dele, não por minha conta."
- Lula, em discurso televisionado pela televisão estatal NBR durante evento de comemoração dos 45 anos de criação do IPEA — 15 de setembro de 2009
- Vídeo no YouTube: youtube.com/watch?v=H7vR6dqsvsQ
  • "Eu quando disputei a eleição com o Serra era uma coisa civilizada. Depois com o Alckmin não foi. Ele parece que mamou até os 14 anos."
- Lula, em seu Twitter: [2]. 20 de julho de 2017
  • "Não vejo nenhuma chance de vitória dele. Não tenho como apoiá-lo. Alckmin não é uma pessoa confiável aos olhos do eleitor do Amazonas"
- Arthur Virgílio, colega de legenda (PSDB) e desafeto político, sobre a possibilidade de Alckmin vencer as eleições presidenciais de 2018
- Fonte: O Antagonista — 19 de setembro de 2018