Daniel Hannan

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Daniel Hannan
Daniel Hannan
Daniel Hannan em outros projetos:

Daniel John Hannan (Lima, 1 de setembro de 1971) é um jornalista, autor e político inglês, membro do Partido Conservador do Reino Unido.

Citações[editar]

The Telegraph[editar]

So total is the Left's cultural ascendancy that no one likes to mention the socialist roots of fascism (2013)[editar]

Daniel Hannan, So total is the Left's cultural ascendancy that no one likes to mention the socialist roots of fascism (The Telegraph: February 16, 2013)

  • A História foi reinterpretada e toma-se como axiomático que fascismo deve ser considerado de Direita, sendo a lógica aparente de que a Esquerda significa compaixão e a Direita significa sordidez e fascistas são sórdidos.
(History is reinterpreted, and it is taken as axiomatic that fascism must have been Right-wing, the logic seemingly being that Left-wing means compassionate and Right-wing means nasty and fascists were nasty.)
  • Sempre que alguém aponta as origens socialistas do fascismo, ouve-se uma gritaria de indignação. Curiosamente, os que gritam mais alto são frequentemente os primeiros a afirmar a existência de alguma ligação ideológica entre o fascismo e o conservadorismo.

Leftists become incandescent when reminded of the socialist roots of Nazism (2014)[editar]

Daniel Hannan, Leftists become incandescent when reminded of the socialist roots of Nazism (The Telegraph: February 25, 2014)

  • Em 16 de junho de 1941, enquanto Hitler preparava suas forças para a Operação Barbarossa, Joseph Goebbels aguardava com expectativa a nova ordem que os nazistas imporiam a uma Rússia conquistada. Não haveria volta, ele escreveu, para capitalistas nem para padres nem tsares.
(On 16 June 1941, as Hitler readied his forces for Operation Barbarossa, Josef Goebbels looked forward to the new order that the Nazis would impose on a conquered Russia. There would be no come-back, he wrote, for capitalists nor priests nor Tsars.)
  • Goebbels nunca duvidou que fosse um socialista. Ele entendia o Nazismo como uma forma melhor e mais plausível de socialismo do que o difundido por Lênin.
(Goebbels never doubted that he was a socialist. He understood Nazism to be a better and more plausible form of socialism than that propagated by Lenin. Instead of spreading itself across different nations, it would operate within the unit of the Volk.)
  • Gerações consecutivas de esquerdistas têm tentado explicar a para lá de embaraçosa nomenclatura do Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães como uma cínica jogada de marketing político ou mesmo como uma coincidência embaraçante. Na verdade, o nome significa exatamente o que diz.
(Subsequent generations of Leftists have tried to explain away the awkward nomenclature of the National Socialist German Workers' Party as either a cynical PR stunt or an embarrassing coincidence. In fact, the name meant what it said.)
  • O erro de Marx, acreditava Hitler, seria a promoção da luta de classes em vez da unidade nacional — jogar operários contra industriais em vez de uni-los numa ordem corporativista.
(Marx's error, Hitler believed, had been to foster class war instead of national unity - to set workers against industrialists instead of conscripting both groups into a corporatist order.)
  • É falsa a ideia de que há um continuum ideológico entre livre-mercadistas e fascistas.
(What I want to do, by holding up the mirror, is to take on the equally false idea that there is an ideological continuum between free-marketers and fascists.)
  • A idéia de que o Nazismo é uma forma mais extrema de conservadorismo tem sido insinuada no meio da cultura popular.
(The idea that Nazism is a more extreme form of conservatism has insinuated its way into popular culture.)
  • Eugenia, obviamente, é algo fartamente eivado de racismo. O próprio Engels escreveu algo sobre o que chamou de “lixo racial” — os grupos que seriam necessariamente suplantados quando o socialismo científico ganhasse forma. Tempere isto com uma pitada de anti-capitalismo e você obtém, frequentemente, antissemitismo de Esquerda.
(Eugenics, of course, topples easily into racism. Engels himself wrote of the "racial trash" - the groups who would necessarily be supplanted as scientific socialism came into its own. Season this outlook with a sprinkling of anti-capitalism and you often got Leftist anti-Semitism.)
  • Na próxima vez que ouvir esquerdistas usarem a palavra fascista como um insulto genérico, explique educadamente a diferença entre o que ele gostaria que o NSDAP[1] tivesse sido e o que ele realmente foi.
(Next time you hear Leftists use the word fascist as a general insult, gently point out the difference between what they like to imagine the NSDAP stood for and what it actually proclaimed.)

Ligâmes externos[editar]

Notas[editar]

  1. Sigla de Nationalsozialistische Deutsche Arbeiterpartei (Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães).