William Butler Yeats

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
William Butler Yeats
William Butler Yeats
William Butler Yeats em outros projetos:
Prêmio Nobel de Literatura (1923)

William Butler Yeats (Dublin, Irlanda, 13 de Junho de 1865 – Menton, França, 28 de Janeiro de 1939), muitas vezes apenas designado por W.B. Yeats, foi um poeta irlandês, dramaturgo, místico e figura pública.


  • "Tivesse eu os panejamentos bordados dos céus, (...)/ Estenderia esses mantos a teus pés./ Mas eu, sendo pobre, tenho apenas sonhos;/ E estendi meus sonhos a teus pés;/ Pisa com delicadeza, pois estás pisando/ em meus sonhos."
- Fonte: Revista Caras, Edição de Terça-feira, 17 de outubro de 2006.
  • "Espalhei meus sonhos aos seus pés. Caminhe devagar, pois você estará pisando neles".
- I have spread my dreams under your feet; Tread softly because you tread on my dreams.
- Later poems - Página 41, William Butler Yeats - Forgotten Books, 1924, ISBN 1605061484, 9781605061481 - 363 páginas
- No man has ever lived that had enough. Of children's gratitude or woman's love.
- Vacillation, III, st. 1
- In dreams begins responsibility.
- Later poems - Página 146, William Butler Yeats - Forgotten Books, 1924, ISBN 1605061484, 9781605061481 - 363 páginas
  • "Pense como sábio, mas se expresse na língua do povo".
- Think like a wise man but communicate in the language of the people.
- citado em "Modern quotations for ready reference", Arthur Richmond - Dover Publications, 1947 - 502 páginas
  • "Pense que a maioria das glórias dos homens começam e terminam, e diga: a minha glória foi ter amigos".
- Think where man's glory most begins and ends, And say my glory was I had such friends.
- The poems of William Butler Yeats - Página 244, William Butler Yeats - Hayes Barton Press, 1956, ISBN 1593772270, 9781593772277

Atribuídas[editar]

  • "O poema é o ato social de uma pessoa solitária".
- a poem is a social act done by a solitary man
- William Butler Yeats citado in: Prodigal Father: The Life of John Butler Yeats (1839-1922) - Página 516, William Michael Murphy - Syracuse University Press, 2001, ISBN 0815607253, 9780815607250, 680 páginas