Sugata Sanshiro

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sugata Sanshiro poster.jpg

Sugata Sanshiro (Brasil: A Saga do Judô, Portugal: Sem título em Portugal) é o filme de estréia do diretor japonês Akira Kurosawa, de 1943, baseado no românce homônimo de Tsuneo Tomita.


  • "Sugata foi meu primeiro filme como diretor. Em filmes anteriores como Uma (dir: Yamamoto), exercia tantos encargos que já me sentia como diretor. Seja como for, em Sugata não me senti como estreante. Entretanto, o pessoal que trabalhava comigo na ocasião me contou que, quando gritei pela primeira vez 'câmara, ação', minha voz parecia muito estranha."
Akira Kurosawa sobre seu primeiro filme, Sugata Sanshiro.


  • "Yano é um sujeito astuto que quer enriquecer mudando a nossa Arte da Agilidade pelo Caminho da Agilidade"
Discípulos da Escola de Shinmei de Jiu-jitsu sobre Yano


  • "Se posso julgar pelo seu silêncio, ainda não encontrou o Caminho."
Sacerdote questionando a atitude de Sanshiro de permanecer nas águas gélidas do lago do templo


  • "Você não conhece o Caminho do Homem. Ensinar judô a quem desconhece o Caminho do Homem é como dar uma faca a um louco. O Caminho do Homem é a busca pela verdade que rege a natureza e o mundo. Somente esta verdade pode nos dar uma morte pacífica. É o ponto final de todos os caminhos."
Yano Shogoro para Sanshiro Sugata


  • "Chegará um dia em que o jiu-jitsu e o judô deverão se enfrentar até a morte."
Higaki Gennosuke para Sanshiro Sugata


  • "Você sabe de onde vem essa beleza? Durante suas rezas, ela perdeu toda a consciência de seu eu. Ela se esqueceu dela mesma para fundir-se com a divindade. Nada é mais forte que essa beleza."
Yano Shogoro sobre Sayo Hansuke


  • "Você pode zombar da nossa estupidez juvenil... Mas é nosso destino."
Sanshiro Sugata para Mestre Linuma


Wikipedia-logo.png
A Wikipédia possui um artigo de ou sobre: Sugata Sanshiro (filme).