Saltar para o conteúdo

São Clemente I

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Clemente Romano
Clemente Romano
Clemente Romano
Wikipédia
Wikimedia Commons

São Clemente I (Roma, c. 35 — Quersoneso, c. 100), também conhecido como Clemente Romano (em latim, Clemens Romanus), papa entre 88 e 97.


Primeira Carta aos Coríntios[editar]

Padres Apostólicos, Coleção Patrística. São Paulo: Paulus Editora, 1ª edição, 1997. ISBN 8534900531, ISBN 978-8534900539.

  • "Em tudo vós agíeis sem fazer acepção de pessoas, andando segundo as prescrições de Deus, submissos a vossos chefes, e prestando aos presbíteros que estavam convosco a honra que lhes cabia".
- 1:3
  • "A inveja fez com que Datã e Abirã descessem vivos para o Hades, porque se haviam rebelado contra Moisés, o servo de Deus".
- 4:12
  • "Pedro, pela inveja injusta, suportou, não uma ou duas, mas muitas fadigas e, depois de ter prestado testemunho, foi para o lugar glorioso que lhe era devido. Por causa da inveja e da discórdia, Paulo mostrou o preço reservado à perseverança. Sete vezes carregando cadeias, exilado, apedrejado, tornando-se arauto no Oriente e no Ocidente, alcançou a nobre fama de sua fé. Depois de ter ensinado a justiça ao mundo inteiro e alcançado os limites do Ocidente, ele deu testemunho diante das autoridades, deixou o mundo e se foi para o lugar santo, tornando-se o maior modelo de perseverança. A esses homens, que viveram santamente, ajuntou-se imensa multidão de eleitos que, devido à inveja, sofreram muitos ultrajes e torturas, e se tornaram entre nós belíssimo exemplo".
- 5:4-6;6:1
  • "Deixemos as preocupações vazias e inúteis, e sigamos a norma gloriosa e veneranda da nossa tradição".
- 7:2
  • "Sejamos imitadores dos que caminhavam em pele de cabra e de ovelha, anunciando a vinda de Cristo. Referimo-nos a Elias e Eliseu, e também a Ezequiel e os profetas, e além desses àqueles de quem Deus deu testemunho. Abraão recebeu grande testemunho e foi chamado amigo de Deus. No entanto, quando fixou o olhar na glória de Deus, ele disse com humildade: «Eu sou terra e cinza»".
- 17:1-2
  • "Os céus, que se movem por sua disposição, lhe obedecem harmoniosamente. O dia e a noite realizam o curso que ele estabeleceu, sem tropeçar um no outro. O sol, a lua e os coros dos astros giram harmoniosamente conforme sua ordem e, sem nenhuma transgressão, dentro dos limites que ele determinou. A terra, germinando conforme a vontade dele, produz, nos devidos tempos, abundantíssimo sustento para os homens, as feras e todos os seres que vivem sobre ela, sem nunca se rebelar, nem mudar nada do que por ele foi decretado. Com as mesmas ordens, se mantêm as regiões insondáveis dos abismos e as leis inescrutáveis que regem o mundo subterrâneo. A massa do mar imenso, que na sua criação foi recolhida em seus reservatórios, não ultrapassa os limites traçados, mas age conforme lhe foi ordenado".
- 20:1-6
  • "O próprio Criador e Senhor se alegra com todas as suas obras. Com seu soberano poder, ele fixou os céus e, com sua incompreensível inteligência, os ordenou. Ele separou a terra da água que a circunda, e a estabeleceu sobre o fundamento sólido de sua vontade. Por sua disposição, chamou à existência os animais que nela se movem. Com seu poder, preparou o mar e os animais que aí vivem, e fixou limites para eles. Acima de tudo, com suas mãos sagradas e puras, plasmou o ser superior e soberano, o homem, como marca de sua própria imagem".
- 33:2-4
  • "Caríssimos, como são felizes e admiráveis os dons de Deus! A vida na imortalidade, o esplendor na justiça, a verdade na franqueza, a fé na confiança, o domínio de si na santidade: todas essas coisas são acessíveis à nossa inteligência. Quais são as coisas preparadas para aqueles que a esperam? O Criador e Pai dos séculos, o Santíssimo, conhece a quantidade e a beleza delas. Nós, portanto, lutamos para sermos encontrados no número dos que o esperam, a fim de participarmos dos dons prometidos. No entanto, caríssimos, como acontecerá isso? Acontecerá se a nossa mente estiver fielmente voltada para Deus, se procurarmos aquilo que é aceito por ele e que lhe agrada, se cumprirmos aquilo que convém à sua vontade irrepreensível e se seguirmos o caminho da verdade, afastando de nós toda injustiça e maldade, avareza, rixas, perversidades e enganos, murmurações e maledicências, recusa de Deus, orgulho e jactância, vanglória e inospitalidade".
- 35:1-5
  • "Para que haver brigas, ódios, disputas, divisões e guerras entre vós? Não temos nós um só Deus, um só Cristo, um só Espírito de graça, que foi derramado sobre nós, e uma só vocação em Cristo?"
- 46:5-6
  • "Caríssimos, é vergonhoso, muito vergonhoso e indigno de conduta cristã ouvir-se dizer que a firme e antiga Igreja de Corinto, por causa de uma ou duas pessoas, está em revolta contra os seus presbíteros".
- 47:6
  • "É melhor para o homem confessar suas faltas do que endurecer o coração, assim como se endureceu o coração dos que se revoltaram contra Moisés, o servidor de Deus. A condenação deles foi evidente, pois «desceram vivos para o Hades», e «a morte os apascentará»."
- 51:3-4
  • "Muitas mulheres, fortificadas pela graça de Deus, realizaram numerosas ações viris. A bem-aventurada Judite, no cerco de sua cidade, pediu aos anciãos permissão para sair e se dirigir ao acampamento dos estrangeiros. Ela, portanto, enfrentou o perigo. Saiu da cidade por amor à pátria e ao povo que estava cercado. E o Senhor entregou Helofernes nas mãos de uma mulher".
- 55:3-5