Nina Arueira

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Maria da Conceição Arueira (Campos dos Goytacazes, 7 de janeiro de 1916Rio de Janeiro, 18 de março de 1935) foi uma escritora, jornalista, líder sindical e poetisa brasileira.


À Mocidade de Minha Terra[editar]

-Manifesto aos Jovens de Campos dos Goytacazes, Nina Arueira, 1931. in: Revista Espírita de Campos, janeiro/fevereiro de 2000. [1]
  • "Acordai, gente de minha terra, porque o dia se alevanta por sobre tudo, a noite dos sonhos e das insônias se diluiu na luz."
  • "Não sejais nunca fracos, parasitas e imprestáveis. Criai uma lei para o vosso culto: o Dever. Uma sabedoria para o vosso exemplo: a Disciplina. Não vos orgulheis de vossas vitórias, mas orgulhai-vos de vosso fito."
  • "Olhai na história antiga; porque não podeis ser mais sábios que Salomão, quando Salomão era humano? Por que não podeis ser mais artistas que Praxíteles, maiores que Júlio César, que Platão, que Horácio, que toda essa constelação antiga de antias civilizações?"
  • "Vós que nascestes num mundo mais propício por que não sois grandes, maiores que os maiores?"
  • "Tendes asas; por que não voais? Tendes poder; por que não governais?"
  • "A última glória é a geração dinâmica que preparais... Avante!"


Wikipedia-logo.png
A Wikipédia possui um artigo de ou sobre: Nina Arueira.