Saltar para o conteúdo

Marco Aurélio

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Marco Aurélio
Marco Aurélio
Nascimento Marcus Catilius Severus Annius Verus
26 de abril de 121
Roma (Império Romano)
Morte 17 de março de 180 (58 anos)
Vindobona (Império Romano)
Residência Roma
Sepultamento Castelo de Santo Ângelo
Cidadania Roma Antiga
Progenitores
  • Marco Ânio Vero, Antonino Pio
  • Domícia Lucila
Cônjuge Faustina
Filho(a)(s) Cómodo, Marco Ânio Vero César, Annia Aurelia Galeria Faustina, Fadila, Lucila, Ânia Cornifícia Faustina Menor, Víbia Aurélia Sabina, Titus Aurelius Fulvus Antoninus, Domitia Faustina
Irmão(ã)(s) Ânia Cornifícia Faustina
Ocupação político, filósofo, escritor, monarca
Obras destacadas Meditações
Movimento estético estoicismo
Título Augusto
Religião religião na Roma Antiga
Causa da morte peste

Marco Aurélio (?) foi um imperador romano.


Verificadas[editar]

- The Meditations, IV, 3
  • "Tenha poucas ocupações, diz o sábio, se quiser levar uma vida tranqüila."
- The Meditations, IV, 24
  • "Nada sucede ao homem que sua natureza não seja capaz de suportar."
- The Meditations, V, 18
  • "Mantenha-se bom, puro, sério, livre de afetação, amigo da justiça, gentil, apaixonado, vigoroso em todas as suas atitudes. Lute para viver como a filosofia gostaria que vivesse."
- The Meditations, VI, 30
- The Meditations, VI, 54
  • "Aplica-te a todo o instante com toda a atenção... para terminar o trabalho que tens nas tuas mãos... e liberta-te de todas as outras preocupações. Delas ficarás livre se executares cada acção da tua vida como se fosse a última."
- The Meditations
  • "Pense há quanto tempo você vem adiando!"
- Citado em "Citações da Cultura Universal" - Página 24, Alberto J. G. Villamarín, Editora AGE Ltda, 2002, ISBN 8574970891, 9788574970899
  • "Não faças isso, se não é justo. Se não é verdade, não o digas".
- Citado em The Meditations, V, 3
  • "Desprezando-se mutuamente, lisonjeiam-se uns aos outros, e querendo alcançar a supremacia mutuamente, cedem-se o passo uns aos outros".
- Meditações; Coleção Filosofia à Maneira Clássica - página 138, Marco Aurélio, tradução de Thainara Castro, Kiron Editora Ltda-Me, 2011, ISBN 8581130305, 9788581130309
  • "Tu conferirás a ti repouso executando cada ação de tua vida como se fosse a última"
- Meditações - página 23, Marco Aurélio, Traduzido por Alexandre Pires Vieira, Editora Montecristo, 2019, ISBN 1619651653, 9781619651654, 289 páginas
  • "Busco a verdade, pelo qual nenhum homem jamais foi ferido."
- Meditações - página 63, Marco Aurélio, Traduzido por Alexandre Pires Vieira, Editora Montecristo, 2019, ISBN 1619651653, 9781619651654, 289 páginas

Atribuídas[editar]

Este artigo ou secção não cita as suas fontes ou referências. Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes.
  • "A arte de viver é mais parecida com a luta do que com a dança, na medida em que está pronta para enfrentar tanto o inesperado como o imprevisto e não está preparada para cair."[carece de fontes?]
  • "Nada de desgosto, nem de desânimo; se acabas de fracassar, recomeça."[carece de fontes?]