Katara

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Katara
Katara em outros projetos:

Katara é uma personagem fictícia da série animada Avatar: A Lenda de Aang criada por Michael Dante DiMartino e Bryan Konietzko exibido pelo canal Nickelodeon.

Índice

Livro 1: Água[editar]

Capítulo 1: O Garoto no Iceberg[editar]

  • Tá me chamando de esquisita? Não sou eu que mostro o muque toda vez que vejo o reflexo na água.
  • Temos que ajudá-lo!
  • O que que foi?
  • Eu não faço desde que eu era criança!!
  • Você é o maior machista, imaturo, sem cérebro!! Ai, eu até tenho vergonha de ser seu parente! Desde que a mamãe morreu eu faço tudo na aldeia! Eu até lavo as suas meias, você já cheirou as suas meias? Então eu te digo que não é nada agradável!! [Sokka pede para ela parar] Não, para você, porque agora você está sozinho!!!!
  • Chama isso de esquerda?

Capítulo 2: A Volta do Avatar[editar]

  • Ah, obrigada, irmãozinho!
  • Nós vamos te levar pro pólo norte.
  • Que paradas?

Capítulo 3: O Templo de Ar do Sul[editar]

  • Quem é esse aí?
  • Não tem placa nenhuma, como sabe que é ele?
  • Aang!!
  • Aang, você tem que se controlar! Eu senti a mesma coisa quando perdi a minha mãe.
  • Tudo bem, você não fez por mal.

Capítulo 4: As Guerreiras de Kyoshi[editar]

  • Nada, ele tá boladinho porque um bando de garotas emboscou ele.
  • Ótimo!
  • Eu não vou ver você se exibir pra um bando de garotas.
  • Tem razão, foi sim.

Capítulo 5: O Rei de Omashu[editar]

  • É impressão minha ou este cara não regula bem.
  • Aang, socorro!
  • Tente lembrar dos desafios.

Capítulo 6: Aprisionado[editar]

  • Ao estilo dobra de terra!!!
  • Porque eu vou dobrar a terra.
  • Espera!

Capítulo 7: Solstício de Inverno 1ª Parte: O Mundo Espiritual[editar]

  • Mas o solstício é amanhã.
  • Não, eu sei que o Aang vai pensar em alguma coisa.
  • Sokka!!!

Capítulo 8: Solstício de Inverno parte 2ª Parte: O Avatar Roku[editar]

  • Vamos, Aang.

Capítulo 9: O Pergaminho da Dobra d'água[editar]

  • Não precisava passar por cima da cabeça.
  • Roubar é errado... menos de piratas.
  • Eu sei, é por isso que roubei isso [mostra o pergaminho de dobra d'água]
  • Shiii, volta a dormir Momo.

Capítulo 10: Jato[editar]

  • Ele é o avatar.
  • A Nação do Fogo matou a minha mãe.
  • Eu ainda preciso de mais treinos.
  • Jato, adeus.
  • Porque Jato, porque fez isso?

Capítulo 11: A Grande Divisão[editar]

  • Aang, tem certeza disso?
  • Mentiu nada, foi uma coisa muito feia que você fez.
  • E você é um lorde molenga rei dos... [joga uma galho no Sokka] galhinhos!

Capítulo 12: A Tempestade[editar]

  • Viu o que você fez, velho horroroso?
  • Aang, eu sei que devia ser assim, se tivesse ficado lá podia ter sido morto junto com os monges.

Capítulo 13: O Espírito Ázul[editar]

  • Não Momo, á-g-u-a.
  • Não Aang, eu estou bem... [tosse]

Capítulo 14: A Adivinha[editar]

  • Eu acho que sou eu.
  • É...
  • Fala mais.
  • O que você disse?
  • Eu acho que é.

Capítulo 15: Bato da Tribo da Água[editar]

  • Bato?
  • Você e o pai tiverram histórias hilárias.
  • Eu tô com você Sokka.
  • Ah... dá um beijinho no Zuko por mim!

Capítulo 16: O Desertor[editar]

  • Que legal, mas, você não devia parar por aí?
  • Mas você é um mestre de dobra de fogo, devia se orgulhar disso.
  • Ele desapareceu.

Capítulo 17: Os Planadores[editar]

  • Os inse... COF, COF... foi o inseto, o inseto, foi o inseto!
  • Ah, são dominadores de ar mesmo!
  • Ah, se tivesse um jeito.

Capítulo 18: O Mestre Dominador de Água[editar]

  • Há! Príncipe de que?
  • Meu perdão, Príncipe Sokka.
  • Muito jeitoso.
  • Sokka, que grande idéia! O Aang aprende com o Mestre Pakku de dia e a noite ele me ensina o que aprendeu. Assim todo mundo fica feliz!
  • Mas você nunca está!

Capítulo 19: O Cerco do Norte Parte 1[editar]

  • Ele está meditando para entrar no mundo espiritual, vai ficar tudo bem se não mexermos no corpo dele.
  • Não...

Capítulo 20: O Cerco do Norte 2ª Parte[editar]

  • O Zuko pegou ele.


Livro 2: Terra[editar]

Capítulo 1: O Estado Avatar[editar]

  • Aang?
  • Quer falar sobre isso?
  • Poderosa Katara? Eu gostei disso!
  • Se os dois idiotas querem jogar tudo fora, vão fundo e brilhem!
  • E agora Momo, que loucura eles estão fazendo agora?

Capítulo 2: A Caverna dos Dois Amantes[editar]

  • Eu tive uma idéia meio doida.
  • Aqui diz que o amor brilha mais no escuro e tem uma imagem deles se beijando.
  • [envergonhada] Bom... e se nós nos beijarmos?
  • Viu, eu disse que era uma idéia doida.
  • Eu não sei o que ia prefeir.
  • Não é a saída.
  • O que podemos fazer.
  • Sokka!
  • O que houve com sua testa?

Capítulo 3: Retorno a Omashu[editar]

  • Aí que bonitinho!!
  • Você acha que esse rostinho é de um assassino?

Capítulo 4: O Pântano[editar]

  • Mãe? Mãe!!!
  • O que foi isso?
  • Eu não sei, parece que tem alguma coisa viva neste pânatano.
  • Ahh... vocês são dobradores de água!

Capítulo 5: O Dia do Avatar[editar]

  • Não dá tempo.
  • É isso mesmo.
  • Espero que não tenha problema.
  • O Aang nunca fez isso, avatar nenhum faria.
  • Me desculpe, por favor, continue.
  • Feliz dia do avatar!

Capítulo 6: A Bandida Cega[editar]

  • Então não compra.
  • Ela não pode ser cega de verdade, quer dizer, só faz parte da personagem.
  • Como ela fez isso?
  • E o Aang?

Capítulo 8: A Caçada[editar]

  • Você bateu a porta na minha cara?
  • EU ESTOU COMPLETAMENTE CALMA!!!!
  • O que é aquilo?
  • Ah, você sabe...
  • Valeu, Toph.
  • Zuko, eu posso ajudar.

Capítulo 9: Trabalho Amargo[editar]

  • Você nunca me chamou de sifu Katara.
  • Toph, tem certeza disso?
  • Vocês acharam ele!

Capítulo 10: A Biblioteca[editar]

  • Eu acho que um pouco de férias não faz mal nenhum.
  • Eu me lembro o que aconteceu quando ouve um eclipse lunar no polo sul.

Capítulo 11: O Deserto[editar]

  • Nós vamos sair deste deserto!
  • Não tem muita água.

Capítulo 12: A Passagem da Serpente[editar]

  • Sokka!

Capítulo 13: A Jornada para Ba Sing Se Parte 2: A Broca[editar]

  • Sokka...
  • Espera, precisa desta água mais do que eu.
  • Bloqueia meu chi agora, sua aberração de circo!!

Capítulo 14: A Cidade de Muros e Segredos[editar]

  • O rei vai dar uma festa esta noite para seu urso de estimação.
  • Não, aqui só diz "urso".

Capítulo 15: As Histórias de Ba Sing Se[editar]

  • Você está um pouco... na verdade você está toda suja.
  • Sabe do que a gente precisa?
  • Muito bom.

Capítulo 17: Lago Laogai[editar]

  • Pedimos ajuda profissional.
  • O quê? Não!
  • Você não tem mais o que varer?

Capítulo 18: O Rei da Terra[editar]

  • Desculpa [dobra de água num dos soldados da Dai Li].
  • Ah é? Então porque tem uma insigna da Nação do Fogo?
  • Calma aí irmãozinho, mas tem razão, eu sou!

Capítulo 19: O Guru[editar]

  • O melhor chá da cidade...

Capítulo 20: As Encruzilhadas do Destino[editar]

  • Me desculpe, é que toda vez que via o rosto do inimigo, era o seu rosto.
  • Talvez eu posso curá-la.
  • Aang!

Ver também[editar]

Outros projectos Wikimedia também contêm material sobre este artigo: