Saltar para o conteúdo

Heinrich Himmler

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Heinrich Himmler
Heinrich Himmler
Nascimento Heinrich Luitpold Himmler Yaker
7 de outubro de 1900
Munique
Morte 23 de maio de 1945 (44 anos)
Lüneburg
Residência Maxvorstadt, Amalienstraße, Landshut
Sepultamento Charneca de Lüneburg
Cidadania Alemanha Nazi, República de Weimar, Império Alemão
Estatura 1,76 m
Progenitores
  • Joseph Gebhard Himmler
  • Anna Heyder
Cônjuge Margarete Himmler
Filho(a)(s) Gudrun Burwitz
Irmão(ã)(s) Gebhard Ludwig Himmler, Ernst Hermann Himmler
Alma mater
  • Universidade Técnica de Munique
  • Wilhelmsgymnasium
  • Hans-Carossa-Gymnasium
Ocupação político, agricultor, ocultista, técnico de laboratório, Gestapo employee
Prêmios
  • Grã-Cruz da Ordem Imperial das Flechas Vermelhas (Heinrich Himmler, Reichfürer S.S. y Jefe de la Policía alemana, 1939)
  • Blood Order
  • Crachá Dourado do Partido Nazi
  • NSDAP Long Service Award
  • Medalha Anschluss
  • Medalha dos Sudetos
  • Memel Medal
  • Medalha da Muralha Ocidental
  • Honour Chevron for the Old Guard
  • Cavaleiro Grã-Cruz da Ordem da Coroa da Itália
  • Cruz de Honra
  • Cavaleiro da Grã Cruz da Ordem Militar de Saboia
  • Cavaleiro da Grã-Cruz da Ordem dos Santos Maurício e Lázaro
  • Order of the Crown
  • Ordem do Tesouro Sagrado, Primeira Classe
  • Rad kniežaťa Pribinu vojnovej SR 1939-45
  • Order of the Crown of King Zvonimir
  • Grand Cross of the Order of the Cross of Liberty (1942)
Empregador(a) Gestapo
Lealdade Alemanha Nazi
Comando Replacement Army, Army Group Oberrhein, Grupo de Exércitos Vístula
Religião Católico não praticante
Causa da morte Intoxicação por cianeto
Assinatura

Heinrich Himmler (7 de outubro de 1900, Munique - 23 de maio de 1945, Lüneburg) foi o comandante da Schutzstaffel alemã e um dos mais poderosos homens da Alemanha Nazista. Como Reichsführer-SS, ele liderou a SS e a Gestapo, foi uma figura chave na organização do Holocausto.


  • “Os anseios dos nazismo e do front-vermelho são os mesmos. O judeu quis adulterar a revolução para o marxismo, e este não trouxe a satisfação, razão pela qual não está em questão hoje. Portanto, até hoje há um desejo pelo socialismo.”
- Longerich, Peter. “Heinrich Himmler: Uma Biografia”. p. 101
  • “O capitalismo tomou novamente o trono. Não se pergunta pelo homem honesto, mas por quanto dinheiro se tem. Não se pergunta de onde vem o dinheiro, apenas se existe. O capitalismo se lança sobre a maior invenção do homem, a máquina, e com ela escraviza as pessoas. Por essa razão, o povo desenvolve um anseio por liberdade, assim se manifesta o desejo por liberdade na luta de classes dos trabalhadores. A burguesia alemã não entende isso e a luta pelo socialismo se estende até 1918.”
- Longerich, Peter. “Heinrich Himmler: Uma Biografia”. p. 101
  • “Os judeus se apossaram do capitalismo e sabem bem como jogar o ‘internacionalismo’ contra os povos na luta pelo estabelecimento de seu poder. O internacionalismo anularia a importância individual dos povos e teria como meta a escravização do trabalhador no mundo inteiro. Só existiria uma saída para evitar esse destino: a união de todos os trabalhadores alemães com base no nacionalismo para instituir um regime socialista. O objetivo é a criação de um partido dos trabalhadores poderoso, nacionalista, socialista e alemão.”
- Longerich, Peter. “Heinrich Himmler: Uma Biografia”. p. 102
  • "Não importa onde estamos lutando; não importa contra quem estamos lutando. Mataremos quem tivermos que matar no interesse de nosso país, e tirar a vida de um homem não significará mais que tirar a vida de um boi... Só com esta filosofia poderemos trilhar com confiança o caminho da vitória."
- Em uma palestra para a Divisão de Negócios Exteriores da SS
  • "A melhor arma política é a arma do terror. A crueldade gera respeito. Podem odiar-nos, se quiserem. Não queremos que nos amem. Queremos que nos temam."
- Discurso para oficiais da SS em Kharkov
  • "Aquele que jura pela suástica deve renunciar a qualquer outra lealdade."
- Discurso para os Voluntarios Iugoslavos em Zagreb
  • "Uma nação cuja famílias tem em média quatro filhos pode se dar ao luxo de ir à guerra de 20 em 20 anos. Mesmo que morram dois dos filhos, restarão os outros dois para perpetuar a raça."
- Discurso aos oficiais da Escola de Política de Braunschweig

Sobre[editar]

  • "Himmler é de uma qualidade extraordinária. Não acredito que outra pessoa que não ele tivesse conseguido movimentar as tropas em semelhantes condições adversas. Eu vejo em Himmler o nosso Inácio de Loyola. Com inteligência e obstinação, contra vento e marés, ele deu forma às SS"
-Mein Kampf, em 3 de janeiro de 1942, referindo-se à sua experiência em Viena