Cesar Maia

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
(Redirecionado de César Maia)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
César Maia (Foto: Roosewelt Pinheiro/ABr)
Cesar Maia
César Maia em outros projetos:

Cesar Epitácio Maia (Rio de Janeiro, 18 de junho de 1945) é um economista e político brasileiro.


  • “Não sou organizado, sou programado. Posso cumprir o planejado de modo desorganizado”
- Cesar Maia, prefeito do Rio de Janeiro, explicando o seu estilo de trabalho
- Fonte: Revista ISTO É, Edição n. 1787.
  • “Eça não. Os Maias estão de volta ao Rio de Janeiro”
- Cláudio Humberto, jornalista, fazendo um trocadilho com o livro de Eça de Queiroz e a vitória de Cesar Maia para a prefeitura carioca
- Fonte: Revista IstoÉ Edição 1623
  • “Atacado, tenho a obrigação de dar uma resposta ao eleitor. Tenho que reagir, até pelo meu sangue, que vem do meu pai, de Catolé da Rocha (cidade da Paraíba). Um sangue escuro quase roxo…”
- Cesar Maia, Cesar Maia, candidato do PTB à Prefeitura do Rio de Janeiro, avisando que reagirá caso seja atacado durante a campanha para o segundo turno das eleições a prefeito.'
- Fonte: O Globo (05/10/2000)
  • “Se você fizer uma progressão por regressão linear simples, por mínimos quadrados, há essa vitória por três pontos.“
- Cesar Maia, prefeito eleito do Rio, explicando, ainda na manhã de domingo, por que ganharia no fim do dia a eleição de 2000; citado em Revista Veja, edição 1674, de 8 de novembro de 2000
  • “Eu quase desintegrei minha imagem com aquela história de ser maluco. Por pouco não virei idiota.“
- Cesar Maia, prefeito do Rio, renegando sua fase de criador de factóides; citado em Revista Veja, Edição 1821 . 24 de setembro de 2003
  • “Aquilo que entrava por baixo da porta de Lula não era chocolate, comissário Tarso Béria. Era lama que vinha das salas do lado de seus principais assessores. Não respingava, mas Lula se atolava nela. E… nem sentia???“
- Do prefeito Cesar Maia, do Rio, comentando a afirmação do ministro Tarso Genro de que o escândalo do mensalão não respinga no presidente; citado em Revista Veja, edição 2023, de 29 de agosto de 2007
  • “Sempre que um governo, ou um grupo, quer dar um golpe, atribui a seus adversários essa pretensão. Na América Latina há exemplos de sobra disso. Que não se tenha dúvida: a frase de Lula contra a oposição é na verdade uma forma de ir construindo espaços de opinião para medidas autoritárias que o governo do PT pretende adotar.“
- citado em Revista Veja, Edição 1936 . 21 de dezembro de 2005
  • “O Rio tem dois inimigos, a violência e o cocô.“
- Cesar Maia ao se eleger prefeito; citado em Revista Veja, edição 1675, 15 de novembro de 2000
  • "Vamos pedir a prisão do governador com base na Lei de Responsabilidade Fiscal."
- Cesar Maia, prefeito do Rio, ameaçando o governador Anthony Garotinho por ter supostamente deixado um rombo de quase 1 bilhão de reais nas contas do Estado; citado em Revista Veja, Edição 1 741 - 6 de março de 2002.
  • "O Rio tem dois inimigos, a violência e o cocô."
- Cesar Maia, prefeito eleito do Rio de Janeiro
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 675 - 15/11/2000
  • "Conde é uma minhoca. Gorda, é verdade, mas minhoca."
- Cesar Maia, candidato do PTB à prefeitura do Rio, sobre sua criação, o prefeito Luiz Paulo Conde
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 663 - 23/8/2000
  • "A diferença entre a Câmara de Vereadores do Rio e a de São Paulo é que a de lá foi pega em flagrante."
- Cesar Maia, candidato do PTB à prefeitura do Rio; citado em Revista Veja, Edição 1 655 - 28/6/2000

Sobre[editar]

  • "Não me afogo em bidê."
- Luiz Paulo Conde, prefeito e candidato à reeleição no Rio, sobre acusações de Cesar Maia, seu adversário no segundo turno
- Fonte: Revista Veja, Edição 1 673 - 1°/11/2000