Antônio Conselheiro

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Antonio Conselheiro
Antonio Conselheiro
Antônio Conselheiro em outros projetos:

Antônio Vicente Mendes Maciel (13 de março de 1855 - 22 de setembro de 1897), melhor conhecido na História do Brasil como Antônio Conselheiro, foi um líder social e religioso brasileiro.


  • "Em 1896 há de haver mil rebanhos correndo da praia para o sertão; então o sertão virará praia e a praia virará sertão."
- citado em "Canudos, uma utopia no sertão" - página 32, José Antonio Sola - Editoria Contexto, 1989, ISBN 8585134380, 9788585134389 - 80 páginas
  • "Em 1897 haverá muito pasto e pouco rasto e um só pastor e um só rebanho."
- "Quem foi Antônio Conselheiro?: Roteiro histórico e biográfico" - página 39, Paulo Dantas - Empresa Grafica Carioca S/A, 1966 - 77 páginas
  • "Em 1899 ficarão as águas em sangue e o planeta há de aparecer no nascente com o raio do sol que o ramo se confrontará na terra e a terra em algum lugar se confrontará no céu...
- "Quem foi Antônio Conselheiro?: Roteiro histórico e biográfico" - página 39, Paulo Dantas - Empresa Grafica Carioca S/A, 1966 - 77 páginas
  • "Há de chover uma grande chuva de estrelas e aí será o fim do mundo. Em 1900 se apagarão as luzes. Deus disse no Evangelho: eu tenho um rebanho que anda fora deste aprisco e é preciso que se reunam porque há um só pastor e um só rebanho!"
- citado em "Ocidente", revista portuguesa, Volume 46 - página 26, 1954
  • "Em verdade vos digo, quando as nações brigam com as nações, o Brasil com o Brasil, a Inglaterra com a Inglaterra, a Prússia com a Prússia, das ondas do mar D. Sebastião sairá com todo o seu exército."
- citado em "História do Brasil", Volume 176 de Biblioteca pedagógica brasileira: Brasiliana - página 132, Pedro Calmon, Companhia Editora Nacional, 1939
  • "Neste dia quando sair com o seu exército tira a todos no fio da espada deste papel da República. O fim desta guerra se acabará na Santa Casa de Roma e o sangue há de ir até á junta grossa..."
- citado em "Os sertões: campanha de Canudos" - página 172, Euclides da Cunha - F. Alves, 1911 - 620 páginas


Aqui está a mais próxima imagem de Antônio[1]