Saltar para o conteúdo

Alberico de Souza Cruz

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Alberico de Souza Cruz
Wikipédia

Alberico de Souza Cruz (Abaeté, 6 de maio de 1938Rio de Janeiro, 10 de maio de 2022) foi um jornalista brasileiro.


Sobre[editar]

  • "A outra polêmica, certamente a maior da história do JN, diz respeito à edição do último debate da eleição presidencial de 1989. O livro dedica quinze páginas ao assunto. O debate ocorreu em 14 de dezembro, três dias antes das eleições. Na sexta-feira, dia 15, o Jornal Hoje exibiu uma edição do debate e o Jornal Nacional mostrou outra. A emissora foi criticada, entre outras coisas, por Collor aparecer no JN por um minuto e meio a mais que Lula, o que em televisão corresponde a uma eternidade. Além disso, foram escolhidos alguns dos melhores momentos do candidato do PRN e alguns dos piores do representante do PT, dando a impressão de que Collor – que efetivamente se saíra melhor no debate – havia esmagado o adversário. A obra colhe depoimentos de vários dos envolvidos. O painel transcrito no livro é uma corajosa e transparente discussão sobre o episódio. Armando Nogueira, então diretor da Central Globo de Jornalismo, responsabiliza seu subordinado Alberico de Souza Cruz, ex-diretor de telejornais da rede, pela edição do debate, e o acusa de ‘deslealdade e traição profissional’".
- como citado in: Observatório da Imprensa, Entre Aspas, João Gabriel de Lima, edição 292, 31 de agosto de 2004
  • "Transmito, em nome do Senado Federal, a todos os familiares e amigos [de Alberico de Souza Cruz] os mais sinceros votos de solidariedade, sentimentos e apoio por essa grande perda."
- Rodrigo Pacheco, presidente do Senado, como citado in: Agência Senado - 10 de maio de 2022, às 17h38min