Vasyl Slipak

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vasyl Slipak
Vasyl Slipak
' em outros projetos:

Vasyl Slipak (Lviv, 20 de dezembro de 1974 — Luhanskе, 29 de junho de 2016) — cantor de ópera ucraniano morto por franco-atirador militante na Donbass.


Atribuidas[editar]

  • "Qualquer pessoa na rua vai lhe dizer o que fazer. Nosso povo é sábio."
- citado em: The Washington Post. 2016. - 02 de julho.
  • "Ucrânia pode tornar-se um país bem sucedido e um grande jogador no cenário político se começarmos a dar ouvidos às vozes das pessoas."
- citado em: The Washington Post. 2016. - 02 de julho.
  • "Eu vivo na França, mas meu coração continua ucraniano."
- citado em: - Un chanteur d'opéra tué par un sniper dans l'est de l'Ukraine devient un symbole de la résistance ukrainienne. Lе Huffington Post. – 13 de julho de 2016.

Sobre[editar]

  • “Vasyl Slipak, um cantor de ópera bem conhecido, um dos melhores barítonos do mundo, viveu e trabalhou em França durante 19 anos, onde foi solista da Ópera de Paris. Quando a Rússia iniciou suas ações agressivas contra a Ucrânia (dois anos atrás) ele abandonou sua carreira Europeia e voltou para a Ucrânia (como soldado voluntário) para defender sua terra natal. Ele morreu nas fileiras do Right Sector * na linha da frente na região de Donetsk. Seu nome de guerra era Mito - uma versão abreviada de Mephistopheles (um personagem da ópera Fausto). Ele não era um soldado profissional, ele era um cantor.”
— jornalista Yury Butusov;
- Cantor de ópera ucraniano morto por franco-atirador militante na Donbass (atualizado) — 29 de junho de 2016.
  • “Foi um ataque (militante) lançado a partir de Debaltseve. Em primeiro lugar, os militantes lançaram ataques de artilharia contra soldados ucranianos, então eles usaram tanques e infantaria. Slipak tinha apenas uma arma Kalashnikov. O atirador também disparou e feriu outros dois soldados.”
— comandante Slіpaka;
- Cantor de ópera ucraniano morto por franco-atirador militante na Donbass (atualizado) — 29 de junho de 2016.

Ligações externas[editar]