Private Resort

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Private Resort (lançado no Brasil Férias do Barulho), filme lançado em 1985, nos EUA, dirigido por George Bowers. Conta a história de dois adolescentes e um ladrão de jóias em um resort.



  • "Eu não quero continuar aqui se você continuar a me colocar em enrrascadas".
Ben, após perder uma oportunidade de sair com a garota que o encantou.
  • "Ela está aqui trabalhando... E nós a passeio"
Jack explica a Ben que não se deve dar em cima de funcionárias do hotel
  • "Sente a presença do papai aqui"
Jack sente que é hora de mostrar a Ben como se conquista as gatas
  • "Eu tenho o melhor óleo de bronzear do mundo"
A cantada infalível de Jack
  • "Cara, essa eu vou pagar pra ver!"
Moleque na piscina, curioso pelas ações futuras dos dois rapagões
  • "WHOA... Um papai e uma mamãe, tô em casa!"
Punk, após ver um casal de velhinhos no saguão do Resort
  • "Que beca maneira! Eu quero uma igual pra mim"
Punk, após ver o zelador do hotel com sua beca toda rasgado devido a uma briga
  • "Oh, obrigada, Baba Rama Nana!"
Shirley, devota do guia espiritual Baba Rama Nana, após um vaso de flores ter caído em sua cabeça.
  • "Eu não vou ficar aqui com essa maluca"
Ao perceber que Shirley é uma fanática religiosa, Ben fica assustado
  • "Você pode aprender alguma coisa sobre Nana Banana, pode até dar umazinha"
Jack convence Ben a ficar no quarto
  • "- Você sente seu espírito crescendo? (prima Shirley, nua, pergunta a Ben, que, também nu, olha pra baixo e responde:)
- Tá, tá crescendo!"
  • "Venha a mim! Venha a mim! Venha a mim que eu não agüento maaais!"
Ben, após surpreender-se com o corpo nu de Shirley

Maestro[editar]

  • "Esse cara é da pesada"
Após a conversa com seu contratante, Maestro vai saborear um pink flamingo
  • "O cabelo! Cuidado com o cabelo!"
Homem vaidoso, Maestro se revolta com sua esposa Bobbie Sue lhe jogando água na cabeleira
  • "Venha para sua Bilu Tetéia..."
Bobbie Sue
"Não me chame assim na frente do garoto"
Maestro, envergonhado pela presença de Ben, que fingia ser o barbeiro.
  • "O meu cabelo é muito, mas muito importante pra mim; eu não quero que você faça nenhuma experiência com ele - somente um pouquinho dos lados, um pouquinho atrás, eu quero que fique bem cortadinho atrás, rente à nuca... Está certo?"
Maestro explica a Ben detalhadamente os procedimentos do corte
  • "Não é por nada não querida, mas você precisa raspar a perna... Você está ficando cabeludinha".
Maestro, passando a mão na perna do personagem de Johnny Depp, que estava debaixo do lençol
  • "Parem ou eu atiro!!"
Chefe de segurança
"Seu idiota, atira primeiro que eles param depois!!"
Maestro
  • "Dançar, Dançar, Dançar!"
Gesticulando para a Sra. Rawlings, olhando então para os outros hóspedes em volta e dizendo: "A coroa é surdona!"

Sra. Rawlings[editar]

  • "Conde uma ova".
  • "Não vou me preocupar com a dor, eu tenho uma ASPIRINA!
As aspirinas eram na verdade comprimidos afrodisíacos
  • "Hummmmm... adoro homens de uniforme!"
Para o barbeiro, já sob o efeito dos quaaludes, a droga do amor
  • "Eu gosto, eu gosto..."
Sob o efeitos das "aspirinas", desta vez dando chicotadas no barbeiro

Curt[editar]

  • "Não é nada disso querida, eu só tô aqui tomando umas cervejinhas com a rapaziada.... Falou?"
Início da "amizade" de Curt com Jack e Ben
  • "Nossa, que lugar legal... O teto inclusive!"
Ao entrar no apartamento de Ben e Jack
  • "Ah, sim, sim, sim... Vem logo!"
Curt ensina aos dois moleques como um homem faz para levar mulheres à cama
  • "Vocês sabem mesmo comemorar!"
Tentando estreitar a camaradagem com os dois garotos
  • "Queridinha, a luxúria está mandando no mundo"
Xaveco de Curt pra cima de uma gatinha do hotel
Wikipedia-logo.png
A Wikipédia possui um artigo de ou sobre: Private Resort.