Lou Andreas-Salomé

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lou Andreas-Salomé
Lou Andreas-Salomé
Lou Andreas-Salomé em outros projetos:

Lou Andreas-Salomé, também conhecida como Louise von Salomé (12 de fevereiro de 1861, São Petesburgo, Rússia – 5 de fevereiro de 1937, Göttingen) foi uma intelectual russa.



Atribuídas[editar]

  • "Se deixo vagar meus pensamentos, não encontro nenhum. O melhor deles, afinal, é a morte."
- If I let my thoughts roam I find no one. The best, after all, is death
- citado em "My sister, my spouse: a biography of Lou Andreas-Salomé" - página 300, Heinz Frederick Peters - Norton, 1974, ISBN 0393007480, 9780393007480 - 320 páginas
  • "Só aquele que permanece inteiramente ele próprio pode, com o tempo, permanecer objeto do amor, porque só ele é capaz de simbolizar para o outro a vida, ser sentido como tal."
- citado em Citações da Cultura Universal - Página 391, Alberto J. G. Villamarín, Editora AGE Ltda, 2002, ISBN 8574970891, 9788574970899
  • "É terrível dizer, mas, no fundo, o amante não está querendo saber "quem é" em realidade seu parceiro. Estouvado em seu egoísmo, ele se contenta de saber que o outro lhe faz um bem incompreensível... Os amantes permanecem um para o outro, em última análise, um mistério."
- citado em "Os Sentidos da paixão" - Página 371, Sérgio Cardoso - Editora Companhia das Letras, 1995, ISBN 858509544X, 9788585095444 - 508 páginas
  • "A única perfeição é a alegria."
- citado em "Os Sentidos da paixão" - Página 359, Sérgio Cardoso - Editora Companhia das Letras, 1995, ISBN 858509544X, 9788585095444 - 508 páginas