Gilmore Girls

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tradução Este artigo encontra-se em processo de tradução. A sua ajuda é bem-vinda.
Provavelmente existem blocos de texto por traduzir no conteúdo do artigo. Verifique se lhe são úteis.
tradução


Gilmore Girls (2000 – 2007) é uma série de comédia/drama criada por Amy Sherman-Palladino que conta a história do relacionamento entra uma mãe solteira e sua filha que vivem num pequena cidade de Connecticut.

Primeira Temporada[editar]

Piloto [1.01][editar]

Lorelai: Ela pode finalmente ir para Harvard como sempre quis e ter a educação que eu nunca tive e fazer tudo o que eu não tive oportunidade de fazer e depois vou poder sentir rancor dela por isso e vamos finalmente ter uma relação de mãe e filha normal.

Rory: Então, avô, como está a correr o negócio dos seguros?
Richard: Eh, quando as pessoas morrem, pagamos. Quando as pessoas têm um acidente, pagamos. Quando as pessoas perdem um pé, pagamos.
Lorelai: Bem, pelo menos encontrou um slogan novo.

Lorelai: Michel, o telefone!
Michel: Sim, é uma coisa que toca.
Lorelai: Podes atender?
Michel: Não. Hoje as pessoas estão particularmente estúpidas. Não consigo falar com mais nenhuma.
Lorelai: Gostavas mais de falar com as pessoas do centro de emprego?
Michel: Estou, Independence Inn, fala o Michel.

Rory's Birthday Parties [1.06][editar]

[Lorelai entra na lanchonete de Luke.]
Luke: Ela ainda não chegou.
Lorelai: Okay! Bom, você vai ter que me distrair até ela chegar. Dançe pra mim, Menino Hamburger.
Luke: Casa comigo?
Lorelai: Quê?
Luke: Só... procurando uma coisa que cale a sua boca.

[Lorelai leva uma bebida para Rory, que está sentada sozinha.]
Lorelai: Aqui.
Rory: O que é?
Lorelai: Shirley Temple.
Rory: O que é isto?
Lorelai: Shirley Temple Black.
[Ela deixa Rory cheirar o drink.]
Lorelai: Tenho seu "Good Ship Lollipop" aqui mesmo, Senhor.

Kiss and Tell [1.07][editar]

Taylor: Você vive aqui há anos, jovem. Está na hora de se tornar um de nós.
Luke: Desculpa, parece que o meu casulo é defeituoso.

Lorelai: Aquele devasso cortou caminho para o coração da minha filha, e para a boca dela; e por isso tem de morrer!
. . .
Luke: Você não pode matar o rapaz dos sacos. É dia de cupões duplos, você destruíria a vila.

Lorelai: Infelizmente quando o coração se envolve, tudo o que sai é imbecil.

Amor, Guerra e Neve [1.08][editar]

Lorelai: Michel, é a primeira nevasca da estação. Isso dá sorte! Faça um pedido.
Michel: Sai de perto de mim.
Lorelai: Oh, não é pra dizer alto.
[Michel atende o telefone]
Lorelai: [sonhadora] O mundo muda quando neva. É quieto. Tudo se acalma.
Michel: É a sua mãe.
Lorelai: E depois vem a chuva.

[Emily ligou para Lorelai para avisar da grande nevasca.]
Emily: Você viu as notícias?
Lorelai: Ever?
Emily: Uma tempestade feia está indo na sua direção. Já está nos atingindo aqui.
Lorelai: Não entre em pânico. Eu vou pegar a arca e você pega os animais.
Emily: Eu acabei de mandar Lance pegar a Rory na escola. As estradas estão terríveis. Tem gelo por tudo. Está uma bagunça lá fora. Eu odeio esse tempo. Então, que horas você vai poder chegar aqui?
Lorelai: Bom, mãe, eu não sei. Deixa eu ver... gelo por tudo, estradas perigosas. Eu vou botar a minha malha azul, vermelha e branca, pegar meu chicote dourado, e ir com o meu jato invisível até aí.
Emily: Você não vem.
Lorelai: Se for tão ruim quanto você está dizendo, eu não sei como vou chegar até aí.
Emily: Então eu acho que vamos ser só nós três.
Lorelai: Eu acho.
Emily: E sabe, acho que a Rory deveria passar a noite aqui.
Lorelai: Uh, okay.
Emily: E se continuar ruim amanhã...
Lorelai: Mãe? Por que você não espera para ver como ficará o tempo antes de preencher um cartão de mudança de endereço para ela?

Emily: Isto é um problema sério. Estes jantares de sexta à noite são a única ocasião em que aquela criança come comida decente a semana toda.
Richard: [para Rory, que está noutra sala] Rory? Você está desnutrida de alguma forma ou precisando que alguma organização internacional de caridade recrute uma celebridade para angariar dinheiro para a sua causa?
Rory: Estou bem.

Rory's Dance [1.09][editar]

[Emily está cuidando de uma Lorelai doente, contra a vontade dela. Ela entrega um prato de comida à Lorelai.]
Emily: Aqui está.
Lorelai: Mãe, acho que alguém já comeu isso.
Emily: Isso é banana amassada com torradas.
Lorelai: [em dúvida] Hm-certo.
Emily: Eu costumava fazer isso quando você era uma garotinha.
Lorelai: Você fazia?
Emily: Sim! Sempre que você ficava doente, eu fazia isso.
Lorelai: Tem certeza de que não era o contrário?

Star-Crossed Lovers and Other Strangers [1.16][editar]

Lorelai: Olha só... amanhã, se você tiver tempo, eu estou pensando em ignorar todo mundo que disser "Oi, tudo bem?".
Luke: Tô nessa.
[Uma mulher entra no restaurante de Luke.]
Woman: Oi, tudo bem?
Lorelai: [consigo mesma] Ah, assim é fácil demais.
Luke: Rachel!
Lorelai: [para Luke] Sua Rachel? [Vira para olhar para a mulher] Você é Rachel?

The Third Lorelai [1.18][editar]

Emily: [Então] você estava ao telefone?
Richard: Chamada à distância.
Lorelai: Deus?
Richard: Londres.
Lorelai: Deus vive em Londres?
Richard: Minha mãe vive em Londres.
Lorelai: Sua mãe é Deus?
Richard: Lorelai!
Lorelai: Então, Deus é uma mulher.
Richard: Lorelai!
Lorelai: E é parente! Isso é tão legal. Com certeza vou pedir favores.
Richard: Faça-a parar.
Rory: Oh, posso fazer isso.
[Mais tarde]
Lorelai: Ainda não consigo acreditar que sou parente de Deus. Agora vai ser muito mais fácil de conseguir ingressos para o show da Madonna.

Emily in Wonderland [1.19][editar]

[Durante o jantar de sexta, Rory pede fotos de bebê para um projeto da escola.]
Rory: [contrariada] Eu vou precisar de algumas da mamãe também.
Lorelai: Pensei que já tínhamos conversado sobre isso.
Rory: Sim, mas eu não acredito em você.
Lorelai: Mãe, diga a ela.
Emily: Não tenho nenhuma foto de bebê da sua mãe.
Lorelai: Obrigada.
Rory: Como você não tem nenhuma foto de bebê da mamãe?
Emily: Porque, quando sua mãe tinha sete anos, eu desci as escadas e a encontrei queimando todas as fotos de bebê.
Rory: Por que você faria isso? Tenho certeza de que você era um bebê bonito.
Emily: Ela era. Era muito bonita.
Lorelai: 4... 3... 2... 1...
Emily: ...em muitos aspectos.
Lorelai: Lá vamos nós.
Rory: O que isso significa?
Lorelai: Nada.
Emily: Não veja qual o problema. Você definitivamente superou isso.
Rory: Superou o quê?
Emily: Quando era criança, sua mãe tinha uma cabeça anormalmente grande.
Lorelai: A melhor coisa sobre isso é que ela me lembrava disso constantemente. Minha primeira frase completa foi "Cabeção quer uma boneca".

Segunda Temporada[editar]

Hammers and Veils [2.02][editar]

Rory: Como vou entrar em Harvard se não tenho experiências na natureza?
Lorelai: Não sei, querida. Se calhar vais ter de desistir do teu sonho de tirar uma licenciatura em Exploração Madeireira.

Empreiteiro: O que é isso?
Rory: É o meu martelo.
Empreiteiro: Isso é um martelo?
Rory: Foi a minha mãe. Ela pega em coisas que acha que não são bonitas e fá-las bonitas.
[O empreiteiro olha para Rory confuso]
Rory: Ela não é maluca, só parece.

Red Light on Wedding Night [2.03][editar]

Rory: Se a casa estivesse a arder, quem salvavas primeiro, o bolo ou eu?
Lorelai: Não é justo! O bolo não tem pernas!

Road Trip to Harvard [2.04][editar]

Lorelai: Estão mais altas.
Rory: Não venhas com isso outra vez.
Lorelai: Há mais.
Rory: Mãe, as flores do papel de parede não estão a crescer, nem se reproduziram.

Nick & Nora/Sid & Nancy [2.05][editar]

[Lorelai recusa-se a entrar no café de Luke depois de uma discussão com ele e força Rory a entrar sozinha]
Rory: Olá Luke.
Luke: Rory.
Rory: Quero dois cafés e dois pães de Viena de cereja para levar, por favor.
Luke: Dois cafés e dois pães de Viena de cereja.
Rory: Ah, e guardanapos.
Luke: Um deles é para ela, não é?
Rory: Quem? Não, não, não. É tudo para mim. Hoje estou cheia de fome. Ainda pensei pedir três, mas vou comer estes dois primeiro e depois vejo.
Luke: Fazemos assim. Dou-te um pão de Viena e um café, podes sentar-te aqui a comer e quando acabares de os comer à minha frente, trago-te a segunda dose.
Rory: Vais mesmo ficar aí a ver-me comer um pão de Viena?
Luke: A televisão por cabo não está a funcionar. Estou com falta de entretenimento.

Luke: Hoje recebi uma chamada interessante. Queres saber quem telefonou?
Jess: Nem por isso.
Luke: Foi o Taylor Doose. Sabes, o dono do supermercado.
Jess: Se o dizes.
Luke: Ele disse que estiveste lá hoje.
Jess: Disse?
Luke: E disse que tiraste dinheiro de uma lata de donativos para ajudar a fazer obras na ponte. Eu disse-lhe que ele era doido, que não farias isso, que não eras um ladrão e que ele queria só arranjar problemas e depois desliguei o telefone. Não me interpretes mal, eu adoro desligar o telefone na cara do Taylor e ele é doido, mas pus-me a pensar se algumas das coisas que ele disse não seriam verdade.
Jess: O que achas?
Luke: Acho que o que se me disseres que é mentira, eu vou acreditar.
Jess: Está bem, é mentira.
Luke: Isso não pareceu muito convincente.
Jess: O que queres de mim ao certo? Trazes-me para este lugar, inscreves-me numa escola que faz o Juramento da Bandeira em seis línguas diferentes e eu nem sequer conhecia duas delas. Afastas-me da minha casa, dos meus amigos e agora queres o quê de mim?
Luke: Estou a tentar ajudar-te!
Jess: Então, para de tentar! Para de me seguir, para de falar comigo, para de fazer perguntas! Para!
Luke: É isso que queres?
Jess: Sim.
Luke: É mesmo isso que queres?
Jess: Sim!
Luke: É o que vais ter!
Jess: Obrigado!
Luke: De nada!

[Quando atravessam uma ponte, Luke empurra Jess para um lago]

The Ins and Outs of Inns [2.08][editar]

Taylor: Jovem, isto vai muito além de um pé de alface. Há várias queixas contra o teu sobrinho. Ele roubou o dinheiro da reparação da ponte.
Luke: Ele devolveu-o.
Taylor: Roubou um gnomo do jardim da Babette.
Luke: O Pierpont também foi devolvido.
Miss Patty: Ele vaiou umas das minhas aulas de dança.
Fran: Ele roubou uma mangueira do meu jardim.
Andrew: O meu filho contou-me que ele accionou todos os alarmes de incêndio da escola a semana passada.
Lorelai: Eu ouvi dizer que ele controla o tempo e escreveu o guião de Glitter!

The Bracebridge Dinner [2.10][editar]

[Enquanto constroem um boneco de neve com a aparência de Björk, Rory fala à mãe sobre uma tarefa para o jornal que ela está fazendo.]
Lorelai: O quê?! Por quê?
Rory: Porque Paris quer que a primeira questão volte a ser uma edição dupla. Por isso temos de preparar durante as férias. Ela diz que a notícia nunca dorme.
Lorelai: E quanto a Paris? Ela dorme em algum momento?
Rory: Acho que ela periodicamente faz um zumbido e depois desliga.
. . .
[Rory e Lorelai ouvem uma ferramenta ser acionada.]
Rory: Ah, meu Deus.
Lorelai: O quê?
Rory: Ele está lustrando!
[Mostra um homem trabalhando numa incrível escultura de gelo de Ebenezer Scrooge, depois volta as duas.]
Lorelai: Oh, agora, isto é tão errado!
Rory: Estamos competindo contra o Michaelangelo da neve!
Lorelai: E nós somos "Ernest Constrói um Homem de Neve".
Rory: Nós não devíamos mais olhar para ele.
Lorelai: Cabeças abaixadas! Fique focada!
Rory: Nós podemos fazer isso!
Lorelai: Com certeza!
[A cabeça do boneco de neve delas cai.]
Rory: Vamos tomar um café?
Lorelai: Estou logo atrás de você.

[Enquanto Sookie conversa com os funcionários da pousada sobre o jantar aos hóspedes, Kirk está anotando tudo em seu notebook.]
Sookie: Lembrem-se de que durante o jantar Bracebridge, nós não estaremos apenas servindo, nós estaremos fazendo uma perfomance. Então, quando vocês etiverem com um hóspede, você devem assumir o personagem e falar inglês antigo. Nós estamos criando um mundo aqui, então o que quer que façamos... Kirk, você está me enlouquecendo!
Kirk: Quem, eu?
[Ele olhou para o notebook e lê o que ecreveu.]
Kirk: "O que quer que façamos... Kirk, você está me enlouquecendo!" Sim, eu. Eu...sinto muito.

[Emily e Richard chegam à pousada para o Jantar Bracebridge.]
Lorelai: Eles chegaram.
Rory: Quem?
Lorelai: O Joyless Luck Club.

Secrets and Loans [2.11][editar]

[Entrando em um banco para um compromisso de empréstimo, Lorelai descobre que sua mãe está esperando do lado de fora do escritório do gerente]

Lorelai: Você não está realmente sentada aqui.
Emily: Não. É um holograma. Realista, não é?

Lost and Found [2x15][editar]

Luke: Au!
Lorelai: Luke, estás bem?
Luke: Caixa estúpida! Candeeiro estúpido!
Lorelai: Luke, as tuas coisas estão a atacar-te outra vez?

There's the Rub [2.16][editar]

Emily: [a Lorelai] Estás a resmungar sozinha. Os meus anos de experiência dizem-me que quando fazes isso a culpa costuma ser minha.

Emily: E não vou comer num balcão. As prostitutas é que comem ao balcão.
Lorelai: Só se não conseguirem uma mesa.

Rory: Dean, o Jess veio aqui trazer comida.
Jess: Do Luke.
Rory: Ele queria certificar-se de que eu comia.
Jess: O Luke.
Rory: Certo, foi o Luke.
Jess: Pessoalmente, não me interessa se ela come ou não.
Rory: Sim, é verdade, ele não quer saber.
Jess: Estou a ver que também trouxeste alguma coisa... isso é gelado? Que simpático! Uma embalagem de gelado minúscula que chega só para dois. Vocês vão dar de comer um ao outro, porque isso é tão giro. Estás a fazer aquilo de me olhares de cima, não é? Fazes isso mesmo bem. O facto de teres quatro metros também ajuda, mas esse olhar à Frankenstein acrescenta muito ao...
Rory: Jess!

Dead Uncles and Vegetables [2.17][editar]

Taylor: Está atrasada outra vez?
Lorelai: Sim, espero que não esteja grávida.

Emily: Qual é a sua opinião dos Romanov?
Luke: Se calhar mereceram o que tiveram.
Emily: [sobre Lorelai e Luke] Foram mesmo feitos um para o outro.

Teach me Tonight [2.19][editar]

Jess: A minha mãe disse-me para nunca ver o que está dentro da mala das senhoras... pelo menos até já ter fugido o suficiente. Estou só a brincar, ela nunca disse isso, mas parece um bom conselho, não achas?

Help Wanted [2.20][editar]

[Lorelai está ajudando o pai a arrumar o novo escritório dele. Ela atende o telefone]
Lorelai: Gilmore Group, posso ajudar? Ah não, Margie não trabalha mais aqui. Fui eu quem ligou para marcar o horário de instalação da DSL. Bem, não não, nós precisamos mesmo que a linha DSL seja instalada hoje -- é horrível ficar sem ela. Aham, tudo bem, se você puderem fazer isso antes das cinco, tudo bem. Se for qualquer horário mais tarde não vai dar certo porque o pessoal do modem a cabo vão embora às 17:05. Bem, obrigada, isso é ótimo. Tudo bem, tchau. [para Richard] Eles estarão aqui em vinte minutos.

Terceira Temporada[editar]

Those Lazy-Hazy-Crazy-Days [3.01][editar]

Lorelai: Estava deitada na cama a dormir e a usar uma camisa de noite fabulosa. E começaram a tocar uns trinta despertadores, por isso levantei-me e desci as escadas e, ali, de pé na cozinha, estava o Luke!
Rory: Estava nu?
Lorelai: Não! Estava a fazer o pequeno-almoço.
Rory: Nu?
Lorelai: Pronto, já estás em Washington há demasiado tempo.

Haunted Leg [3.02][editar]

Rory: Tu e a Shane não me interessam.
Jess: Ainda bem.
Rory: Fiquei surpreendida, só isso.
Jess: Porquê?
Rory: Porque sim.
Jess: Porquê?
Rory: Pelo que aconteceu no casamento da Sookie.
Jess: Ah.
Rory: Por isso, quando regressei e te vi com a Shane fiquei um pouco confusa.
Jess: Desculpa, disseste-me alguma coisa o verão todo? Por acaso perdi as milhares de chamadas que me fizeste ou o carteiro perdeu as cartas todas que me enviaste? Tu beijaste-me, disseste-me para não dizer nada, o que foi muito lisonjeiro já agora. Foste para Washington e nada, e ficaste toda chateada porque não fiquei aqui sentado à tua espera como o Dean faria. Ah, sim, e o Dean? Ainda estás com ele? Porque da ultima vez que vi, ainda estavas e não ouvi nada em contrário. O facto de andarem por aí como no raio de um filme da Annie Hardy fez parecer que estavam bastante juntos. Não sei como não entraram num bar e deram um espetáculo.
Rory: Quando me viste com o Dean?
Jess: Naquela loucura de verão que a vila organizou.
Rory: Fico surpreendida por teres conseguido ver alguma coisa com a cabeça da Shane colada à tua cara.
Jess: Não respondeste.
Rory: O quê?
Jess: Alguma vez tentaste ligar-me?
Rory: Não.
Jess: Enviaste uma carta?
Rory: Não.
Jess: Um postal?
Rory: Não.
Jess: Sinais de fumo?
Rory: Para!
Jess: Uma bela cesta de fruta?
Rory: Já chega.
Jess: Ainda estás com o Dean? Vá, lá, Rory. Sim ou não? Ainda estás com o Dean?
Rory: Sim, ainda estou com o Dean! Sim!
Jess: Fico feliz por ouvir isso.
Rory: Fico feliz por te contar.
Jess: Vemo-nos por aí.
Rory: E depois?
Jess: O mesmo para ti.

Let the Games Begin [3.08][editar]

Jess: O que achas que vai acontecer?
Luke: Tu sabes o que eu acho que vai acontecer.
Jess: Não, não sei. Diz-me. Diz-me o que lhe vou fazer.
Luke: Não lhe vais fazer nada porque quando estiverem na casa dela, está lá a Lorelai e quando estiverem aqui, estou eu e quando estiverem lá fora, está o Taylor.
Jess: O Romeu e a Julieta tinham famílias armadas e mesmo assim conseguiram fazer alguns danos, sabias?
Luke: Bem, quando te apanhar enfiado num par de collants começo a preocupar-me. Até lá, faz os trabalhos de casa.

Luke: Quero que saibas que tive uma conversa com o Jess.
Lorelai: Tiveste?
Luke: Sim, e estabeleci regras para ele agir com a Rory. Acredita, ele sabe que vou estar sempre a vigiá-los quando estiverem juntos.
Lorelai: Ah, que bom.
Luke: Sim.
Lorelai: Sabes que eles estão juntos agora.
Luke: O quê?
Lorelai: Claro. "Tenho de ir buscar uma peça para o carro", "Vou estudar": isso é código de miúdos para "Vamos encontrar-nos num lugar já combinado, longe do meu tio ignorante.
Luke: Estás a brincar, não estás? Não achas mesmo que... raios, estão mesmo. Estão juntos. Usaram código de miúdos e agora estão juntos.

Quarta Temporada=[editar]

In the Clamor and the Clangor [4.11][editar]

Lane: Você me disse que o Cookie Monster era um dos Sete Pecados Capitais.
Mrs. Kim: Gula.