Frida Kahlo

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frida Kahlo e Diego Rivera em 1932
Frida Kahlo
Frida Kahlo em outros projetos:

Frida Kahlo (6 de julho de 1907 - 13 de julho de 1954) foi uma pintora mexicana.


  • "Para que preciso de pés quando tenho asas para voar?"
- What do I need you for, feet, since I have wings to fly
- "Frida Kahlo: La metamorfosis de la imagen" - página 89, Frida Kahlo, Nadia Ugalde Gómez, Juan Coronel Rivera - Editorial RM, 2006 - 161 páginas

Atribuídas[editar]

Question book-3.svg Este artigo ou secção não cita as suas fontes ou referências. Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes.
  • "Origem das duas Fridas. Recordação. Devia ter 6 anos quando vivi intensamente a amizade imaginária com uma menina de minha idade. (...) Não me lembro de sua imagem, nem de sua cor. Porém sei que era alegre e ria muito. Sem sons. Era ágil e dançava como se não tivesse nenhum peso. Eu a seguia em todos os seus movimentos e contava para ela, enquanto ela dançava, meus problemas secretos. Quais? Não me lembro. Porém ela sabia, por minha voz, de todas as minhas coisas..."
  • "Meu pai foi para mim um grande exemplo de ternura, de trabalho... e acima de tudo de compreensão de todos os meus problemas."
  • "O México, como sempre, está desorganizado e confuso. A única coisa que lhe resta é a grande beleza da terra e dos índios. Todos os dias, a parte feia dos Estados Unidos rouba um pedaço; é uma lástima, mas as pessoas têm que comer e é inevitável que os peixes grandes devorem os pequenos."
  • "Eu vou mal e irei pior ainda, mas aprendo pouco a pouco a ser só, e isso já é alguma coisa, uma vantagem, um pequeno triunfo."
  • "E a sensação nunca mais me deixou, de que meu corpo carrega em si todas as chagas do mundo."
  • "Pinto a mim mesma porque sou sozinha e porque sou o assunto que conheço melhor."
  • "Estou pintando um pouco, sinto que aprendi algo e estou menos estúpida do que antes."
  • "Acho que é melhor nos separarmos e eu ir tocar minha música em outro lugar com todos os meus preconceitos burgueses de fidelidade."
  • "Querem que eu retrate cinco mulheres mexicanas importantes em nossa história; faço pesquisas para saber que tipo de baratas foram essas heroínas, que tipo de psicologia era o seu fardo, a fim de, ao pintá-las, as pessoas possam diferenciá-las das mulheres comuns e vulgares do México, as quais, para mim, são mais interessantes e poderosas do que as damas mencionadas."
  • "Pintar completou minha vida. Perdi três filhos e uma série de outras coisas, que teriam preenchido minha vida pavorosa. Minha pintura tomou o lugar de tudo isso. Creio que trabalhar é o melhor."
  • Não estou doente. Estou partida. Mas me sinto feliz por continuar viva enquanto puder pintar."
  • "Algum tempo atrás, talvez uns dias, eu era uma moça caminhando por um mundo de cores, com formas claras e tangíveis. Tudo era misterioso e havia algo oculto; adivinhar-lhe a natureza era um jogo para mim. Se você soubesse como é terrível obter o conhecimento de repente - como um relâmpago iluminado a Terra! Agora, vivo num planeta dolorido, transparente como gelo. É como se houvesse aprendido tudo de uma vez, numa questão de segundos. Minhas amigas e colegas tornaram-se mulheres lentamente. Eu envelheci em instantes e agora tudo está embotado e plano. Sei que não há nada escondido; se houvesse, eu veria."
  • "... cuando vengas, por amor de Dios, tráeme algo qué leer, porque cada día me vuelvo más ignorante".
  • "Espero que la salida sea gozosa y espero nunca más volver." (Espero que a partida seja feliz e espero nunca mais voltar.)