Estado Islâmico do Iraque e do Levante

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
İD bayrağı ile bir militan.jpg

O Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL), ou Estado Islâmico do Iraque e da Síria' (EIIS), é uma organização jihadista islamita de orientação Wahhabita que opera majoritariamente no Oriente Médio.


Citações por membros de ISIL[editar]

  • "Não quero mais lutar, não sei mais o que é verdade aqui no confronto na Síria, tenho muitas dúvidas."
- Ahmad Derwish, entrevista a Patrícia Campos Mello, Folha de São Paulo, publicado em 03/04/2016, 02h00[1]
  • "Está escrito no Alcorão, todos nós vamos morrer, mas Alá nos prometeu o paraíso, porque matamos os infiéis."
- Ahmad Derwish, entrevista a Patrícia Campos Mello, Folha de São Paulo, publicado em 03/04/2016, 02h00[2]
  • "Achei que derrubar Assad ia resolver todos os problemas, mas aí acabei entendendo que as coisas não eram tão simples, que havia várias milícias, e muita gente queria assumir o poder."
- Ahmad Derwish, entrevista a Patrícia Campos Mello, Folha de São Paulo, publicado em 03/04/2016, 02h00[3]
  • "Antes, havia muita gente querendo se sacrificar pela causa, fazer tudo pelo EI, hoje não é mais assim", diz. "Houve muitos erros, há uma radicalização excessiva e tem gente vendendo informações sobre mim e sobre a facção."
- Ahmad Derwish, entrevista a Patrícia Campos Mello, Folha de São Paulo, publicado em 03/04/2016, 02h00[4]
  • "Fumo em segredo, em segredo."
- Ahmad Derwish, entrevista a Patrícia Campos Mello, Folha de São Paulo, publicado em 03/04/2016, 02h00[5]
  • "Você teria de se converter ao islã, ou então viraria escrava. Se estivesse vestida do jeito que você está, sem o niqab véu que só deixa os olhos de fora, levaria chibatadas.".
- Ahmad Derwish, entrevista a Patrícia Campos Mello, Folha de São Paulo, publicado em 03/04/2016, 02h00[6]
  • "Os bombardeios da coalizão liderada pelos Estados Unidos enfraqueceram muito o Estado Islâmico. Não podemos mais nos movimentar, e nossos campos de petróleo e refinarias foram atingidos. Enquanto a coalizão continuar atacando o nosso califado na Síria e no Iraque, vamos promover atentados na Europa."
- Ahmad Derwish, entrevista a Patrícia Campos Mello, Folha de São Paulo, publicado em 03/04/2016, 02h00[7]
  • "O governo do povo e a separação dos poderes são em sua essência, clara descrença."
- material didático utilizado pela facção terrorista Estado Islâmoco (EI), como citado por Diogo Bercito, 26/09/2016 02h00[8]
  • "O executor da operação... Em Berlim é um soldado do Estado Islâmico e ele executou a operação em resposta aos apelos para alvejar cidadãos de países da coalizão."[9]
  • "O combate sem piedade contra o terrorismo não deve afetar nem os valores, nem a forma de viver."
- declaração do presidente francês François Hollande após telefonema com a chanceler alemã Angela Merkel[10]

Referências

  1. Estado Islâmico está em crise, diz à 'Folha' comandante preso na Síria Folha de S. Paulo. Publicado em 12 de dezembro de 2016.
  2. Estado Islâmico está em crise, diz à 'Folha' comandante preso na Síria Folha de S. Paulo. Publicado em 12 de dezembro de 2016.
  3. Estado Islâmico está em crise, diz à 'Folha' comandante preso na Síria Folha de S. Paulo. Publicado em 12 de dezembro de 2016.
  4. Estado Islâmico está em crise, diz à 'Folha' comandante preso na Síria Folha de S. Paulo. Publicado em 12 de dezembro de 2016.
  5. Estado Islâmico está em crise, diz à 'Folha' comandante preso na Síria Folha de S. Paulo. Publicado em 12 de dezembro de 2016.
  6. Estado Islâmico está em crise, diz à 'Folha' comandante preso na Síria Folha de S. Paulo. Publicado em 12 de dezembro de 2016.
  7. Estado Islâmico está em crise, diz à 'Folha' comandante preso na Síria Folha de S. Paulo. Publicado em 12 de dezembro de 2016.
  8. Doutrina escolar do Estado Islâmico afirma que democracia é idolatria Folha de S. Paulo. Publicado em 20 de dezembro de 2016.
  9. Estado Islâmico diz que autor de ataque em Berlim é 'soldado' do grupo G1. Publicado em 20 de dezembro de 2016.
  10. Estado Islâmico diz que autor de ataque em Berlim é 'soldado' do grupo G1. Publicado em 20 de dezembro de 2016.

Ver também[editar]