Claude Monet

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Claude Monet
Claude Monet
Claude Monet em outros projetos:

Oscar-Claude Monet (Paris, 14 de novembro de 1840 — Giverny, 5 de dezembro de 1926) foi um pintor francês e o mais célebre entre os pintores impressionistas.



  • "A minha cama é um veleiro; nela me sinto seguro; com minha roupa de marinheiro, vou navegando no escuro. De noite embarco e secudo a mão para os amigos no cais; fecho os olhos e pego o timão: não ouço nem vejo mais. Cauto marujo, levo em segredo para a cama uma fatia de bolo e também algum brinquedo, pois é longa a travessia. Corremos de noite o mundo inteiro; mas quando chega a alvorada, eis-me a salvo em meu quarto e o veleiro de proa bem amarrada."
- (In: José Paulo Paes, sel. e trad. Ri melhor quem ri primeiro - poemas para crianças (e adultos inteligentes). São Paulo: Companhia das letras, 2007. p. 22; Argan, Giulio Carlo. Arte Moderna. São Paulo: Companhia das Letras, 1993 ISBN 9788502194304.
  • "Impressão - Eu tinha certeza disso. Eu estava apenas dizendo a mim mesmo que, desde que eu estava impressionado, tinha que haver alguma impressão nele... e que liberdade, que facilidade de fabricação! Papel de parede em seu estado embrionário é mais acabado do que aquela paisagem marinha. "
- Argan, Giulio Carlo. Arte Moderna. São Paulo: Companhia das Letras, 1993 ISBN 9788502194304.
  • "Todos os dias eu descubro mais e mais coisas bonitas. É o suficiente para enlouquecer. Eu tenho tal desejo para fazer tudo,

minha cabeça está estourando com ele."

- Argan, Giulio Carlo. Arte Moderna. São Paulo: Companhia das Letras, 1993 ISBN 9788502194304.
  • "As pessoas discutem minha arte e fingem entender como se fosse necessário entender, quando é simplesmente necessário amar."
- Smith, Paul (1994). Impressionism: Beneath the surface. Nova Iorque: H.N. Abrams. p. 8. ISBN 0-81092715-2.