Anos Incríveis

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Anos Incríveis (em inglês: The Wonder Years) foi uma série americana de televisão criada por Carol Black e Neal Marlens.


  • "As coisas acontecem muito rápidas, às vezes rápido demais."
  • "Dentro de cada uma daquelas casas idênticas com seus Dodges estacionados na frente, seu pão de forma sobre a mesa e o azul brilhante do aparelho de TV no cair da noite, vivem pessoas com suas historias, famílias unidas na dor e na luta do amor. Existiam momentos que nos faziam chorar de tanto rir e outros como aquele, de perplexidade e tristeza..."
  • "Aprendi ali que muitas vezes temos que crescer separados, para continuar crescendo junto."
  • "Crescer acontece muito depressa. Um dia, você está de fraldas e no outro, já está indo embora. Mas as lembranças da infância permanecem com você durante muito tempo."
  • "E ele sempre estaria lá, um parceiro silencioso, foi o primeiro a me receber quando me formei no colégio e foi o último a sair quando fui para a faculdade, minha mãe me contou que ele ficou horas na rua após eu me despedir..."
  • "Por toda a nossa vida, procuramos por alguém pra amar. Alguém que nos complete. Nós escolhemos companhias e mudamos de companhias, dançamos músicas que falam de corações partidos e de esperança perdidas e por todo o tempo pensando se, em algum lugar, de alguma forma, existe alguém perfeito... que esteja a nossa procura..."
  • "Crescer acontece muito depressa. Um dia, você está de fraldas e no outro já está indo embora. Mas as lembranças da infância permanecem com você durante muito tempo. Me lembro de um lugar... uma cidade... uma casa... Como todas as outras casas... Um jardim como todos os outros.... Numa rua como todas as outras. E... depois de todos esses anos, eu continuo a me lembrar... com admiração."
  • "A noite do 18º aniversario de minha irmã... varias coisas aconteceram. Talvez mais do que ela imaginou. Porque aquela noite, quando meu pai deixou Karen sair, ele deixou Karen ir. E talvez seja assim como deve ser - crianças vão... e os pais ficam para trás. Mesmo assim, algumas coisas são mais profundas do que tempo e distancia. E seu pai sempre irá ser seu pai. E sempre irá deixar a luz acesa para você."
  • "Acho que meu irmão nunca perdoou uma coisa que eu fiz muito cedo na vida... Nascer.
  • "E pra piorar, eu fiquei..."
  • "Eu e meu irmão somos dois ramos distintos. Eu sou o bom e ele, ele é o podre."
  • "Quando se é adolescente, a primeira espinha tem 4 fases: raiva, negação, culpa e depressão."
  • "... Acho que todos nós nos arremedemos de desistir de alguma coisa, uma coisa cuja falta sentimos, que desistimos porque fomos preguiçosos demais ou por não persistirmos... ou até porque tivemos medo..."
  • "... É fácil assumir uma posição a respeito de alguma coisa quando não há risco nenhum. É fácil dar esmola pra um pobre se você guarda o resto do dinheiro pra você. É fácil tomar posição contra a guerra, desde que ninguém peça que você se sacrifique..."
  • "Às vezes é preciso crescer sozinho pra que se possa crescer junto."
  • "Algumas pessoas vêem as coisas como elas são, e perguntam o por que. Eu vejo as coisas como elas poderiam ser, e pergunto: porque não?"
  • "Nunca me esqueci daquele carro, não por ser o meu primeiro, mas por ser o ultimo do meu avô."
  • "Algumas pessoas passam por sua vida e você nunca mais pensa nelas. De outras, você se lembra e talvez imagine o q pode ter acontecido com elas. Outra você imagina se pensam no que aconteceu a você. E há aquelas q você não gostaria nunca mais de lembrar, mas se lembra."
  • "Eu poderia ter sido amigo dela, se tivesse feito a coisa certa. Mas o problema é que na 7ª série, você é justamente aquilo que os outros garotos dizem que você é. O estranho é que agora, depois de tanto tempo, olhando os rostos antigos, eu não me lembro dos nomes das pessoas que passei tanto tempo da minha vida tentando impressionar. Mas alguns a gente nunca esquece... como Margareth Farquar."
  • "A gente cresce num instante. Um dia, estamos de fraldas. Noutro dia, vamos embora. Mas as recordações da infância ficam conosco por muito tempo. Lembro de um lugar, de uma cidade, de uma casa, como uma porção de casas. De um jardim, como uma porção de outros jardins. De uma rua, como uma porção de outras ruas. A verdade é que depois de tanto tempo, ainda me recordo. Foram anos incríveis!"
  • "Bom trabalho, senhor Collins."
  • "Infelizmente na adolescência você é o que os outros dizem que você é..."
  • "Tem coisas que entre pai e filho não são ditas outras são começadas e não são terminadas."
  • "Existia uma menina que morava na minha rua. Olhos castanhos, cabelos castanhos... quando ela sorria, eu sorria, quando ela chorava, eu chorava... tudo que acontecia com ela, de alguma forma, tinha a ver comigo."
  • "A gente tem q faz escolhas na vida e tentar ser feliz com elas."
  • "Alguns amaldiçoam a escuridão... outros brincam de esconde-esconde."
  • "Quando somos crianças, somos um pouco de cada coisa. Artista, cientista, atleta, erudito. Às vezes parece que crescer é desistir destas coisas, uma a uma. Todos nos arrependemos por coisas das quais desistimos. Algo de que sentimos falta. De que desistimos por sermos muito preguiçosos, ou por não conseguirmos nos sobressair, ou por termos medo."
Wikipedia-logo.png
A Wikipédia possui um artigo de ou sobre: Anos Incríveis.