Manuel Vásquez Montalbán

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Manuel Vásquez Montalbán
Manuel Vásquez Montalbán
Manuel Vásquez Montalbán em outros projetos:

Manuel Vásquez Montalbán (Barcelona, 14 de Junho de 1939 — Banguecoque, Tailândia, 18 de Outubro de 2003) foi um escritor, jornalista espanhol, poeta e novelista espanhol.


Obras[editar]

A Rosa de Alexandria[editar]

  • “Abriu um só olho como se temesse que os dois lhe confirmassem exageradamente aquele céu de nuvens negras, a obscenidade daquela pança cor-de-burro-quando-foge que sujava a paisagem tropical de luxo, transformava o arvoredo numa turba infame de palmeiras e bananeiras de chumbo oxidado.”
  • “Com a massa são feitos os bolinhos, que se deixa descansar, para depois achatá-los e fazer tortas de três ou quatro palmos de diâmetro e um centímetro de altura. Cada torta é dobrada em quatro para mais tarde serem cozinhadas num fogo alimentado a lenha, bem cobertas de brasas com um cobre-pão de ferro com cabo de madeira.”
  • “Alguma vez em sua vida Carvalho tinha descoberto a expressão mais adequada e simples para comunicar a notícia de uma morte é baixar os olhos e deixá-los no chão, como se fossem incapazes de levantar vôo.”

Veja também[editar]