Dom Albano Bortoletto Cavallin

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Dom Albano Bortoletto Cavallin
Dom Albano Bortoletto Cavallin em outros projetos:

Dom Albano Bortoletto Cavallin , (Lapa, 25 de abril de 1930 - Londrina, 1 de fevereiro de 2017) foi um bispo católico, arcebispo metropolitano de Londrina entre 1992 e 2006


  • "Religião, espiritualidade não é um artigo de luxo. É importante a possibilidade de um encontro a sós com Deus"
- Fonte: Folha de Londrina, 29/04/2001
  • "É muito difícil fazer a distinção entre progressistas e conservadores. Eu sofro até com essa simplificação. Por exemplo, eu mesmo, em alguns pontos, sou fortemente progressista e em outros, fortemente conservador"
- Fonte: Folha de Londrina, 24/04/2005
  • "Dizem que a Igreja não deve se meter em política, pois a Igreja deve tratar das coisas espirituais. Mas ao contrário, os documentos sociais recomendam que a Igreja deve seguir e continuar fielmente o exemplo de seu fundador, Jesus Cristo, que além de falar do Céu, do Pai Eterno, também falou de todas as coisas que se referem à vida humana, tais como o valor das pessoas, das crianças, do pecado e suas consequências, do sofrimento, da obediência às leis, da fome, dos impostos, do administrador infiel."
- Fonte: Folha de Londrina, 17/08/1998
  • "A Teologia não deve ser assunto exclusivo de padres, mas de todo cristão, pois significa o conhecimento amoroso de Deus aplicado à vida cotidiana."
- Fonte: Revista Veja, Edição 924, 21/05/1986, página 72.
  • "Reconheço que Deus me deu um temperamento fortemente conciliador. Não por política, populismo. Procuro amar as pessoas com sinceridade, e toda a minha vida foi caracterizada por uma idéia, de conciliar sem trair a verdade"
- Fonte: Folha de Londrina, 24/04/2005
  • "Ser cristão é o privilégio de ser filho de Deus pelo batismo, esta 'carteira de identidade' é que vai valer na porta do céu. todos somos iguais como batizados, mas como missões diferenciadas. Daí que o nosso único mal é não sermos santos"
- Fonte: Jornal da Comunidade, Arquidiocese de Londrina, agosto de 1998, página 6.