Aurélio Agostinho: diferenças entre revisões

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
216 bytes adicionados ,  14h09min de 5 de julho de 2021
sem resumo de edição
Sem resumo de edição
Sem resumo de edição
 
* "Foi o orgulho que transformou anjos em demônios, mas é a humildade que faz de homens anjos."
::- ''comoComo citado em ''"Best Thoughts Of Best Thinkers: Amplified, Classified, Exemplified and Arranged as a Key to unlock the Literature of All Ages"'' (1904) editededitado bypor Hialmer Day Gould ande Edward Louis Hessenmueller
 
* "Quem não nos ensina, ainda que nos fale, é como se não nos falasse."
::- ''AGOSTINHO, Santo. O Homem e o Tempo. In: Confissões''. Trad. J. Oliveira Santos, S.J., e A. Ambrósio de Pina, S.J. São Paulo: Nova Cultural, 2004. p.240.''
 
* "Tarde te amei, [[Beleza]] tão antiga e tão nova, tarde te amei! Eis que estavas dentro de mim, e eu lá fora, a te procurar! Eu, disforme, me atirava à beleza das formas que criaste. Estavas comigo, e eu não estava em ti. Retinham-me longe de ti aquilo que nem existiria se não existisse em ti. Tu me chamaste, gritaste por mim, e venceste minha surdez. Brilhaste, e teu esplendor afugentou minha cegueira. Exalaste teu [[perfume]], respirei-o, e suspiro por ti. Eu te saboreei, e agora tenho [[fome]] e sede de ti. Tocaste-me, e o [[desejo]] de tua [[paz]] me inflama.
::- [[Santo Agostinho]] in: ''Solilóquio de amor;, [http://img.cancaonova.com/noticias/pdf/277537_SantoAgostinho-Confissoes.pdf Confissões de Santo Agostinho]'', Livro Décimo, Capitulo XXVIII
 
* "Ao punir os pecadores, Deus não lhes inflige mal proveniente de si próprio, mas abandona-os aos males derivados deles mesmos."
::- ''AGOSTINHO, Santo. Comentário aos Salmos''. São Paulo: Paulus, 1997. v. 1. p.54.''
 
* “Em que sentido, além do alegórico, foi dito: ''No princípio, Deus fez o céu e a terra''? Se no princípio do tempo, a saber, no princípio de todas as coisas, ou no princípio que é o Verbo de Deus, o Filho Unigênito?”
::- ''AGOSTINHO, Santo. Comentário ao Gênesis''. Coleção Patrística. São Paulo: Paulus. v. 21. p. 25.''
 
* “Cristo, como vês, edificou a sua Igreja não sobre um homem mas sobre a confissão de Pedro. Qual é a confissão de Pedro? "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo". Aqui está a pedra para ti, aqui está o fundamento, aqui é onde a Igreja foi edificada, a qual as portas do inferno não podem conquistar.”
:- ''Sermão 229P.1''
 
* “A Providência Divina permite muitos hereges com os mais variados erros porque, ao menos, quando nos insultam e nos questionam coisas que não sabemos, sacodem a nossa letargia e avivam o nosso desejo de conhecer As Escrituras divinas. É por esta razão que o Apóstolo diz: `É preciso que existam heresias para que aqueles que entre vós foram aprovados se manifestem`. Pois aqueles que têm a aprovação de Deus, e podem vos ensinar corretamente, podem se manifestar aos homens apenas quando ensinam. Eles, todavia, dispõem-se a ensinar apenas aqueles que querem aprender. Muitos, no entanto, levam tempo para procurar, salvo quando são acordados, como de um sono, pelo incômodo e pelos insultos dos hereges. Então, envergonhados por serem ignorantes, percebem que estão em perigo por conta da própria ignorância. E, se são esses homens de Fé sólida, não caem em heresias, mas procuram cuidadosamente a resposta que devem dar aos hereges. Deus não os abandona. Quando pedem, recebem, quando procuram, encontram, e quando batem, a porta lhes é aberta. Aqueles que, contudo, perdem a esperança, de que podem encontrar no ensino católico o que procuram, serão enfraquecidos pelos seus erros. Mas se procurarem com perseverança, voltarão, exaustos, após muito trabalho, com sede e quase mortos, às abundantes fontes das quais se afastaram”.
::- ''AGOSTINHO, Santo. Dois livros sobre Gênesis contra os maniqueus'', Capítulo I, Livro I''.
 
==Disputadas==
1 103

edições

Menu de navegação