Diferenças entre edições de "Aldous Huxley"

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
1 282 bytes adicionados ,  21h42min de 26 de setembro de 2016
=== [[w: A Situação Humana]], 1959 ===
 
* Segundo Aldous HuyleyHuxley: "A religião da experiência direta do divino tem sido considerada privilégio de muito poucas pessoas. Pessoalmente, não penso que isso seja necessariamente verdade. Penso que praticamente todas as pessoas são capazes dessa experiência imediata, desde que ajam da maneira correta e estejam preparadas para fazer o que for preciso. Mas aceitamos como certo que os místicos são uma pequena minoria entre uma vasta maioria que deve contentar-se com a religião dos credos, símbolos, livros sagrados, liturgias e organizações".
 
* De acordo com Aldous Huxley: "(...) os mitos têm sido menos perigosos do que os sistemas teológicos porque são menos precisos e têm menos pretensões. Onde existem sistemas teológicos exige-se que as proposições sobre fatos do passado e futuro, e sobre a estrutura do universo,sejam absolutamente verdadeiras; conseqüentemente, a relutância em aceitá-las é encarada como rebelião contra Deus, merecedora do mais severo castigo."
 
*Baseado nas ideias de Aldous Huxley :"O conflito - não a guerra - é freqüente entre os membros da mesma espécie. Mas a seleção natural tomou muito cuidado para que o conflito entre animais da mesma espécie raramente chegue a uma conclusão fatal. Sempre pensamos no lobo, por exemplo, como um animal particularmente sinistro e feroz. Na verdade, conforme observaram naturalistas - temos um bom relato disso no livro de Konrad Lorenz, ''King Solomon's''- os lobos nunca combatem até morrer. Sentindo que está derrotado, o lobo expõe sua garganta ao adversário, de modo que, se quiser, o adversário pode imediatamente achar a jugular, seccioná-la e matar o inimigo; mas, devido à ação benevolente da seleção natural, o lobo vencedor acha psicologicamente impossível morder. Em vez disso, começa a rosnar e afasta-se. "
 
=== [[w:Regresso ao Admirável Mundo Novo (livro)|Regresso ao Admirável Mundo Novo]], 1959 ===
8

edições

Menu de navegação