Papa Bento XVI

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bento XVI
Papa Bento XVI
Papa Bento XVI em outros projetos:

O Papa Bento XVI, nascido Joseph Alois Ratzinger (Marktl, 16 de abril de 1927 - ); sucedeu a João Paulo II a partir de 19 de abril de 2005.


Enquanto cardeal[editar]

Ratzinger ficou conhecido por expressar abertamente as suas posições conservadoras.

Religião e Fé[editar]

  • "Os marxistas previram o fim da religião. Com o fim da opressão, o remédio representado por Deus não teria mais razão de ser, dizia-se. Mas também eles foram obrigados a reconhecer que o sentimento religioso nunca acabou porque está verdadeiramente enraizado no homem".
- citado em Revista Veja, Edição 1902 . 27 de abril de 2005
  • "Nós estamos caminhando para uma ditadura do relativismo que não reconhece nada como definitivo e tem como valor máximo o ego e os desejos individuais. A Igreja precisa se opor às "marés de modismos e das últimas novidades. (...) Precisamos nos tornar maduros nessa fé adulta, precisamos guiar o rebanho de Cristo para essa fé".
- Durante uma missa na Basílica de São Pedro, pouco antes do início do conclave e um dia antes de ser eleito; como citado em Continente multicultural, Volume 5,Edições 53-56 - página 112, Companhia Editora de Pernambuco, 2005
  • "Nas horas de seu maior apogeu, a Europa parece ter se tornado vazia por dentro, paralisada por uma crise que ameaça sua saúde e a faz depender de transplantes".
- No recente livro publicado "Valores em Tempos de Reviravolta"

O lugar de Deus na sociedade moderna[editar]

  • "Muito marginalizado. Na vida política, parece quase indecente falar de Deus, como se fosse um ataque à liberdade de quem não crê. O mundo político segue suas normas e caminhos, excluindo Deus como algo que não é deste mundo. A mesma coisa acontece no comércio, na economia e na vida privada. Deus fica à margem. Para mim parece necessário voltar a descobrir, e existem forças para isso, que também a esfera política e econômica precisa de uma responsabilidade moral, que nasce do coração do homem e está ligada à presença ou ausência de Deus. Uma sociedade em que Deus está totalmente ausente se autodestrói."
- Em entrevista ao jornal "La Repubblica" em 2004

Catolicismo[editar]

  • "Napoleão disse uma vez que aniquilaria a Igreja. Um cardeal, então, teria respondido: Mas nem mesmo nós fomos capazes de fazê-lo!".
  • "Quanta imundície há na igreja, mesmo entre aqueles que, no sacerdócio, devem pertencer inteiramente a Ele. Quanto orgulho, quanta auto-suficiência".
- Na missa da Sexta-feira Santa em 2005'
  • "A Igreja Católica é a mãe de todas as igrejas cristãs. Por isso, outras igrejas não devem ser consideradas 'irmãs' da Igreja Católica."
- quando cardeal, como citado em Caros amigos - [books.google.com.br/books?id=67Q6AQAAIAAJ Edições 94-99], Editora Casa Amarela Ltda., 2005

Abusos sexuais envolvendo sacerdotes da Igreja[editar]

  • "Na Igreja, padres também são pecadores. Mas eu estou pessoalmente convencido de que a constante presença dos pecados dos padres católicos na imprensa, especialmente nos Estados Unidos, é uma campanha planeada, já que a percentagem dessas infrações entre padres não é mais alta do que em outras categorias, e talvez seja ainda mais baixa."
- Em dezembro de 2002

O catolicismo em relação ao Islã[editar]

  • "O Islã é multiforme, não se pode reduzir à ala terrorista ou à ala moderada. Há interpretações sunitas, xiitas etc. Culturalmente, existe uma grande diferença entre Indonésia, África ou a Península Arábica, e talvez esteja se formando também um Islã com características européias, que aceita elementos de nossa cultura. Em todo caso, para nós, é um desafio positivo a firme fé em Deus dos muçulmanos, a consciência de que estamos todos sob o juízo de Deus, junto com um certo patrimônio moral e a observação de algumas normas que demonstram que a fé, para viver, necessita expressões comuns, algo que perdemos em certa medida."
- Em entrevista ao jornal "La Repubblica" em 2004

Judeus[editar]

  • "Que os judeus são ligados à Deus de uma maneira especial e que Deus não quer que essa ligação fracasse é inteiramente óbvio."
  • "Aguardamos o momento em que Israel vai dizer 'sim' a Cristo, mas sabemos que tem uma missão especial na história agora."
- Em livro de sua autoria, publicado em 2000

João Paulo II[editar]

  • "Nós podemos ter certeza de que o nosso amado papa está na janela da casa do Senhor, de onde ele nos vê e nos abençoa."
- Durante a homilia que fez no funeral de João Paulo 2º
  • "Hoje nós enterramos os seus restos na terra como uma semente da imortalidade. Os nossos corações estão cheios de tristeza, mas ao mesmo tempo de uma alegre esperança e de uma gratidão profunda."
- Durante a homilia que fez no funeral de João Paulo 2º

Homossexualidade[editar]

  • "Embora a inclinação particular de uma pessoa homossexual não seja um pecado, é mais ou menos uma tendência que vem de um mal moral intrínseco, e, portanto, a inclinação em si pode ser vista como uma desordem de objetivo."
- Em 1986, na carta aos bispos da Igreja Católica sobre o cuidado pastoral de gays; como citado em BBC Brasil , 20 de abril, 2005 - 11h39 GMT
  • "Acima de tudo, nós temos que ter grande respeito por essas pessoas que também sofrem e querem encontrar a sua maneira de viver corretamente. Por outro lado, criar uma forma de casamento homossexual, na realidade, não ajuda essas pessoas."
- Em 1986, na carta aos bispos da Igreja Católica sobre o cuidado pastoral de gays; como citado em BBC Brasil , 20 de abril, 2005 - 11h39 GMT

Legalização da união de homossexuais[editar]

  • "A igreja classifica os casamentos homossexuais como imorais, artificiais e nocivos."
- como citado em Folha, 19/04/2005 - 15h48
  • "É destrutiva para a família e para a sociedade. O direito cria uma forma de moral, já que as pessoas consideram freqüentemente que o que diz o direito também é moralmente lícito. E, se considerarmos essa união mais ou menos equivalente ao matrimônio, temos uma sociedade que já não reconhece as características e nem o caráter fundamental da família, ou seja, que é próprio do homem e da mulher, que tem a finalidade de dar continuidade, não só no sentido biológico, à humanidade."
- Em entrevista ao jornal 'La Repubblica' em 2004

Mulheres[editar]

  • "O fato de a Igreja estar convencida de que não conferir a ordenação às mulheres agora é visto por alguns como incompatível com a Constituição européia."
- como citado em BBC Brasil
  • "Pessoalmente me abala a idéia de que mulheres, guardiãs da paz e contrapeso à agressividade e belicosidade masculinas, possam ser alistadas no Exército e saiam por aí armadas para demonstrar que podem ser tão belicosas quanto os homens."
- citado em Revista Veja, Edição 1902 . 27 de abril de 2005

Rock[editar]

  • "Um veículo anti-religião."
- Em 1988
  • Os gêneros musicais rock e pop são distrações profanas para a fé cristã; uma expressão básica das paixões que, em grandes platéias, pode assumir características de culto ou até de adoração, contrários ao cristianismo"
- Fonte

Aborto e eutanásia[editar]

  • "Claro pecado grave."
- Durante a campanha das eleições presidenciais americanas em 2004
  • "Os cristãos devem ser contra decisões judiciais e leis que autorizem o aborto e a eutanásia, considerados pecados graves."
- como citado em Caros amigos, Edições 94-99, Editora Casa Amarela Ltda., 2005
  • "Um católico será considerado culpado por cooperar com o mal, e não poderá receber a comunhão, se votar em um candidato político por ele ser a favor da eutanásia e/ou do aborto."
- como citado em Folha, 19/04/2005 - 15h48

Outros tópicos[editar]

  • "Rituais que dependem da superstição e outros erros constituem um obstáculo para a salvação."
- como citado em Caros amigos, Edições 94-99, Editora Casa Amarela Ltda., 2005

Papa[editar]

  • "Após o grande papa João Paulo II, os cardeais escolheram a mim, um simples, humilde trabalhador da vinha do Senhor".
- Em seu primeiro pronunciamento como novo sumo pontífice da Igreja Católica

Férias e descanso[editar]

  • "Todo o bom cristão sabe que as férias são um tempo oportuno para relaxar o corpo e também para alimentar o espírito com tempos maiores de oração e meditação, para crescer na relação pessoal com Cristo e conformar-se cada vez mais com os seus ensinamentos."
- Durante um período de férias no norte da Itália, agosto de 2007.

Juízo Final[editar]

  • "É hoje, no presente, que se joga nosso destino futuro, com o comportamente concreto nesta vida decidimos nossa sorte eterna. Ao final de nossos dias na terra (...) seremos avaliados tendo em conta se nos assemelhamos ou não ao Menino que está a ponto de nascer na gruta de Belém, porque Ele é o critério de medida que Deus deu à humanidade."
- Alocução do Ângelus, 9 de dezembro de 2007, Segundo Domingo do Advento.

Sofrimento[editar]

  • "Não é o evitar o sofrimento, a fuga diante da dor, que cura o homem, mas a capacidade de aceitar a tribulação e nela amadurecer, de encontrar o seu sentido através da união com Cristo, que sofreu com infinito amor".
  • "A grandeza da humanidade determina-se essencialmente na relação com o sofrimento e com quem sofre. Isto vale tanto para o indivíduo como para a sociedade. Uma sociedade que não consegue aceitar os que sofrem e não é capaz de contribuir, mediante a compaixão, para fazer com que o sofrimento seja compartilhado e assumido é uma sociedade cruel e desumana".
- Carta Encíclica Spe Salvi.

Outros Tópicos[editar]

  • "O uso ilimitado de portais através dos quais as pessoas têm acesso fácil a fontes de informações indiscriminadas pode chegar a ser um instrumento de crescente fragmentação." [carece de fontes?]
  • "Por Deus, tenham um blog!"
-Dizendo aos padres para aproveitarem os serviços de tecnologia para difundir a religião católica.
-"Fonte: G1