Octavio Paz

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Octavio Paz
Octavio Paz
Octavio Paz em outros projetos:
Prêmio Nobel de Literatura (1990)

Octavio Paz (31 de Março de 191419 de Abril de 1998) foi um escritor, poeta e diplomata mexicano, ganhador do Prêmio Nobel de Literatura de 1990.


- Octavio Paz, Zwiesprache. Essays zu Kunst und Literatur. [Ensaios sobre arte e literatura]. A partir do espanhol por Elke Wehr e Rudolf Wittkopf. Frankfurt am Main: Suhrkamp, 1984. S. 236 P. 236
  • "Perder nosso nome é como perder nossa sombra; ser somente nosso nome é reduzirmo-nos a ser sombra"
- "Literatura y literalidad" (1970).
  • "A solidão é o fato mais profundo da condição humana. O homem é o único ser que sabe que ele esta sozinho."
-O Labirinto da Solidão
  • "O dia abre os olhos e penetra em uma primavera antecipada. Tudo o que minhas mãos tocam voa. O mundo está cheio de pássaros."
- El día abre los ojos y penetra; en una primavera anticipada. Todo lo que mis manos tocan, vuela. Está lleno de pájaros el mundo.
- "Primavera a la Vista" in: "Poemas (1935-1975)" - página 48, Octavio Paz - Seix Barral, 1979, ISBN 8432295213, 9788432295218 - 719 páginas
  • "Não há poema em si, mas em mim ou em ti".
- in: Os Filhos do Barro; citado em Diálogos críticos: literatura e sociedade nos países de língua portuguesa - Página 19, Vima Lia Martin - Arte & Ciência, 2005, ISBN 8574733113, 9788574733111, 183 páginas
- Toda esa abigarrada confusión de actos, omisiones, arrepentimientos y tentativas —obras y sobras— que es cada vida, encuentran en la muerte, ya que no sentido o explicación, fin.
- Los signos en rotación y otros ensayos - página 39, Octavio Paz, Carlos Fuentes - Alianza Editorial, 1971 - 343 páginas
  • "Nada em sua vida é surpreendente -- nada, exceto seus poemas."
-Se referindo a Fernando Pessoa; citado em O pensamento vivo de Fernando Pessoa - página 64, Fernando Pessoa, Martin Claret, Cristina Fonseca - M. Claret Editores, 1986 - 110 páginas
  • "A palavra Futuro é uma palavra em decadência."
- Qué va a pasar con la palabra futuro? O. P: Creo que es una palabra en decadencia.
- Miscelanea III: Entrevistas - página 241, Octavio Paz - Círculo de Lectores, 1994, ISBN 9681668073, 9789681668075 - 754 páginas