Joseph Heller

Origem: Wikiquote, a coletânea de citações livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Joseph Heller
Joseph Heller
Joseph Heller em outros projetos:

Joseph Heller (1 de maio de 1923 - 12 de dezembro de 1999), escritor estadunidense, mais conhecido como autor do livro Catch-22 (Ardil 22).


  • "Com Catch-22 percebi, com angústia, que não era capaz de escrever sequer uma página por dia. Eu me impus um esquema de catorze páginas por semana. Deu e não deu certo, porque eu acabava não gostando daquelas páginas. Agora sei que não escrevo facilmente (...) Eu costumo dizer a estudantes talentosos que paciência é o que eles mais precisam; e que escrever é um trabalho duro. Não se torna mais fácil para os que conseguem êxito no ramo."
- Sobre a profissão de escritor
  • "Eu estava tão influenciado pelas imagens de heroísmo de Hollywood que fiquei desapontado por não haver ninguém atirando atrás de mim."
- Sobre sua participação na II Guerra Mundial

Something Happened (1974)[editar]

  • "É preciso que o sujeito tenha bom senso para saber que não passa de um idiota; é preciso ser honesto para compreender que é mentiroso; é preciso ser idiota para se julgar possuidor de bom senso."
  • "Não consigo enfrentar as misérias humanas. Recuso-me a aceitar a realidade delas. Procuro arremessar essa realidade para o fundo do meu inconsciente, sufocando-a com todas as minhas forças. Prefiro que tudo me reapareça sob a forma de pesadelos, se não há outro jeito. Os pesadelos eu posso esquecer assim que acordo."
  • "Há um animal abjeto a vicejar em algum lugar dentro de mim. Tento mantê-lo oculto, subjugado, enquanto ele tenta se libertar. Não sei o que é nem a quem deseja destruir. Talvez seja eu mesmo. E pode ser a mim que ele esteja querendo destruir."